A PRIMEIRA AGÊNCIA DE FACT-CHECKING DO BRASIL

#Verificamos: Vídeo de ‘bandeira chinesa hasteada no Brasil’ mostra usina de propriedade de multinacional asiática

Repórter | Rio de Janeiro | lupa@lupa.news
13.abr.2021 | 20h02 |

Circula pelo WhatsApp um vídeo que mostra uma bandeira chinesa hasteada. O homem responsável pela gravação afirma que ela estaria em território brasileiro entre os municípios de Sebastianópolis do Sul e Votuporanga, em São Paulo. “Infelizmente já tá acontecendo isso”, disse o autor do vídeo não identificado. Por WhatsApp, leitores da Lupa sugeriram que esse conteúdo fosse analisado. Confira a seguir o trabalho de verificação​:

“Essa bandeira vermelha tremulada nesse mastro aí é a bandeira da China. Só que eu não tô na China. Eu to no Brasil (…) Alguma coisa precisa ser feita urgente! Acorda Brasil, enquanto ainda dá tempo!”
Vídeo que circula pelo WhatsApp

VERDADEIRO, MAS

O vídeo analisado pela Lupa, de fato, mostra uma bandeira chinesa em território brasileiro. Contudo, o autor deliberadamente tirou essa informação de contexto. O local mostrado é a entrada da Usina Sebastianópolis, no município de Sebastianópolis do Sul, em São Paulo. A presença da bandeira da China se dá porque a usina é de propriedade da multinacional chinesa Cofco International. A empresa, que produz açúcar e etanol, possui quatro usinas no estado de São Paulo.

O uso de bandeiras estrangeiras em território nacional por empresas de outros países é relativamente comum — como, por exemplo, na fábrica da Toyota em Sorocaba, também no estado de São Paulo. A lei no 5.700, de 1971, permite esta prática, desde que a bandeira brasileira seja hasteada junto. “Nenhuma bandeira de outra nação pode ser usada no País sem que esteja ao seu lado direito, de igual tamanho e em posição de realce, a Bandeira Nacional, salvo nas sedes das representações diplomáticas ou consulares”.

Ao lado da bandeira da China, há uma bandeira do Brasil, que foi deliberadamente escondida pelo autor do vídeo. Após a gravação viralizar nas redes sociais, o vereador de Votuporanga Cabo Renato Abdala (Patriotas) foi ao local e mostrou imagens que comprovam que a bandeira da China estava ao lado de uma bandeira do Brasil, seguindo o que estabelece a legislação brasileira. Essa informação foi confirmada pela Lupa utilizando o Google Maps.

Reprodução de vídeo no Instagram

Esse vídeo também foi verificado pelo Estadão Verifica.

Esta‌ ‌verificação ‌foi sugerida por leitores através do WhatsApp da Lupa. Caso tenha alguma sugestão de verificação, entre em contato conosco pelo número +55 21 99193-3751.

Editado por: Chico Marés

O conteúdo produzido pela Lupa é de inteira responsabilidade da agência e não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização prévia.

A Agência Lupa é membro verificado da International Fact-checking Network (IFCN). Cumpre os cinco princípios éticos estabelecidos pela rede de checadores e passa por auditorias independentes todos os anos

A Lupa está infringindo esse código? Clique aqui e fale com a IFCN

 

Esse conteúdo foi útil?

1 2 3 4 5

Você concorda com o resultado desta checagem?

Sim Não

Leia também

SIGNATORY- International Fact-Checking Network
Etiquetas
VERDADEIRO
A informação está comprovadamente correta
VERDADEIRO, MAS
A informação está correta, mas o leitor merece mais explicações
AINDA É CEDO PARA DIZER
A informação pode vir a ser verdadeira. Ainda não é
EXAGERADO
A informação está no caminho correto, mas houve exagero
CONTRADITÓRIO
A informação contradiz outra difundida antes pela mesma fonte
SUBESTIMADO
Os dados são mais graves do que a informação
INSUSTENTÁVEL
Não há dados públicos que comprovem a informação
FALSO
A informação está comprovadamente incorreta
DE OLHO
Etiqueta de monitoramento
Seções
Arquivo