Tem certeza que deseja sair da sua conta?
Foto: Governo do Estado de São Paulo
Foto: Governo do Estado de São Paulo

#Verificamos: Inglaterra vacinou quase 25% da população adulta; Brasil, cerca de 7%

Repórter (especial para a Lupa) | Rio de Janeiro | lupa@lupa.news
27.abr.2021 | 13h15 |

Circula nas redes sociais que, no dia 21 de abril, mais pessoas tinham recebido a segunda dose da vacina contra Covid-19 no Brasil do que na Inglaterra. Por meio do ​projeto de verificação de notícias​, usuários do Facebook solicitaram que esse material fosse analisado. Confira a seguir o trabalho de verificação da Lupa:

print_vacinacao_inglaterra_brasil

“O Brasil ultrapassou a Inglaterra em aplicações da segunda dose de vacinas contra a covid-19.”

Texto de publicação que até 27 de abril de 2021, às 10h46, havia sido compartilhado por 416 pessoas no Facebook

VERDADEIRO, MAS

A informação analisada pela Lupa é verdadeira, mas exige contextualização. Embora o número absoluto de vacinas aplicadas seja, neste momento, maior no Brasil, considerando a população de ambos os países, a vacinação está consideravelmente mais avançada na Inglaterra e no resto do Reino Unido. 

Em 21 de abril, data citada no post, 9.346.865 pessoas estavam completamente vacinadas na Inglaterra. Isso corresponde a 21,1% da população com mais de 18 anos no país, segundo site oficial do governo do Reino Unido. Em 26 de abril, data mais recente com dados disponíveis, eram 11.041.619, ou 24,9% da população adulta. Nos outros países que compõem o reino, Escócia, País de Gales e Irlanda do Norte, a vacinação está em patamar semelhante. 

Já no Brasil, 10.577.429 de pessoas estavam completamente vacinadas em 21 de abril, segundo o Ministério da Saúde. Contudo, isso representa somente 6,45% da população com mais de 18 anos do país — 164 milhões de pessoas, segundo estimativa do IBGE. No dia 26, esse número tinha subido para 11.727.091, ou 7,1%.

Além disso, no momento, a situação da Inglaterra é bem menos grave que a do Brasil. Na data citada no post, 21 de abril, 20 mortes por Covid-19 foram registradas no país. Aqui, foram 3.472.

Nota:‌ ‌esta‌ ‌reportagem‌ ‌faz‌ ‌parte‌ ‌do‌ ‌‌projeto‌ ‌de‌ ‌verificação‌ ‌de‌ ‌notícias‌‌ ‌no‌ ‌Facebook.‌ ‌Dúvidas‌ sobre‌ ‌o‌ ‌projeto?‌ ‌Entre‌ ‌em‌ ‌contato‌ ‌direto‌ ‌com‌ ‌o‌ ‌‌Facebook‌.

Editado por: Chico Marés

O conteúdo produzido pela Lupa é de inteira responsabilidade da agência e não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização prévia.

A Agência Lupa é membro verificado da International Fact-checking Network (IFCN). Cumpre os cinco princípios éticos estabelecidos pela rede de checadores e passa por auditorias independentes todos os anos

A Lupa está infringindo esse código? Clique aqui e fale com a IFCN

 

Esse conteúdo foi útil?

1 2 3 4 5

Você concorda com o resultado desta checagem?

Sim Não

Leia também

SIGNATORY- International Fact-Checking Network
Etiquetas
VERDADEIRO
A informação está comprovadamente correta
VERDADEIRO, MAS
A informação está correta, mas o leitor merece mais explicações
AINDA É CEDO PARA DIZER
A informação pode vir a ser verdadeira. Ainda não é
EXAGERADO
A informação está no caminho correto, mas houve exagero
CONTRADITÓRIO
A informação contradiz outra difundida antes pela mesma fonte
SUBESTIMADO
Os dados são mais graves do que a informação
INSUSTENTÁVEL
Não há dados públicos que comprovem a informação
FALSO
A informação está comprovadamente incorreta
DE OLHO
Etiqueta de monitoramento
Seções
Arquivo