A PRIMEIRA AGÊNCIA DE FACT-CHECKING DO BRASIL

#Verificamos: É falso que Embraer publicou vídeo publicitário com frases de cunho político

Repórter | Rio de Janeiro | lupa@lupa.news
06.maio.2021 | 17h55 |

Circula pelas redes sociais uma peça publicitária que, supostamente, teria sido produzida pela Embraer. Essa “peça publicitária” mostra aviões decolando e frases como “os impostos mais caros do mundo”, “os políticos mais corruptos do mundo” e “o país onde mais se mata policiais”, e conclui pedindo para a audiência “resgatar o Brasil”. Por meio do ​projeto de verificação de notícias​, usuários do Facebook solicitaram que esse material fosse analisado. Confira a seguir o trabalho de verificação da Lupa:

Que coragem da Embraer de fazer este filme e publicá-lo!”
Legenda de vídeo que, até às 16h do dia 6 de de maio de 2021, tinha sido compartilhado por usuários no Facebook

FALSO

A informação analisada pela Lupa é falsa. O vídeo que circula pelas redes sociais com frases de cunho político não foi produzido pela Embraer, conglomerado transnacional brasileiro. As imagens e o áudio da gravação, de fato, foram produzidas pela empresa e publicadas em seu canal no YouTube. O vídeo tinha o objetivo de promover a participação da companhia no Paris Air Show, um dos principais eventos da indústria aeronáutica, e não apresentava nenhuma mensagem de cunho político escrita na tela.

A versão que circula atualmente pelo Facebook foi editada para incluir mensagens escritas na tela dizendo que o Brasil teria “os impostos mais caros do mundo” e “os políticos mais corruptos do mundo”. Procurada, a assessoria de imprensa disse que o vídeo que circula atualmente não tem relação com a empresa.

Uma checagem semelhante foi feita pelo Estadão Verifica.

Nota:‌ ‌esta‌ ‌reportagem‌ ‌faz‌ ‌parte‌ ‌do‌ ‌‌projeto‌ ‌de‌ ‌verificação‌ ‌de‌ ‌notícias‌‌ ‌no‌ ‌Facebook.‌ ‌Dúvidas‌ sobre‌ ‌o‌ ‌projeto?‌ ‌Entre‌ ‌em‌ ‌contato‌ ‌direto‌ ‌com‌ ‌o‌ ‌‌Facebook‌.

Editado por: Chico Marés

O conteúdo produzido pela Lupa é de inteira responsabilidade da agência e não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização prévia.

A Agência Lupa é membro verificado da International Fact-checking Network (IFCN). Cumpre os cinco princípios éticos estabelecidos pela rede de checadores e passa por auditorias independentes todos os anos

A Lupa está infringindo esse código? Clique aqui e fale com a IFCN

 

Esse conteúdo foi útil?

1 2 3 4 5

Você concorda com o resultado desta checagem?

Sim Não

Leia também

SIGNATORY- International Fact-Checking Network
Etiquetas
VERDADEIRO
A informação está comprovadamente correta
VERDADEIRO, MAS
A informação está correta, mas o leitor merece mais explicações
AINDA É CEDO PARA DIZER
A informação pode vir a ser verdadeira. Ainda não é
EXAGERADO
A informação está no caminho correto, mas houve exagero
CONTRADITÓRIO
A informação contradiz outra difundida antes pela mesma fonte
SUBESTIMADO
Os dados são mais graves do que a informação
INSUSTENTÁVEL
Não há dados públicos que comprovem a informação
FALSO
A informação está comprovadamente incorreta
DE OLHO
Etiqueta de monitoramento
Seções
Arquivo