Tem certeza que deseja sair da sua conta?

Reflexo: no oitavo e último episódio do podcast, Patrícia Campos Mello fala sobre a desinformação e assédio online

| Rio de Janeiro | lupa@lupa.news
15.set.2021 | 09h00 |

E quando o seu filho te interrompe num dia qualquer e diz que viu na internet que um monte de gente está te chamando de “vagabunda”? E o mesmo grupo garante que ela troca sexo por informações a serem publicadas no jornal? Este pesadelo de assédio online e destruição de reputação através de desinformação foi vivido pela jornalista Patrícia Campos Mello, repórter especial da Folha de S. Paulo. Isso porque ela teve a coragem de revelar um esquema de favorecimento ao então candidato à Presidência Jair Bolsonaro em que empresas compraram pacotes de disparos em massa de mensagens contra o PT no WhatsApp, ao arrepio da legislação eleitoral. Essas e outras histórias Patrícia conta no último episódio do Reflexo. Confira:

Lançado em 28 de julho, o podcast Reflexo busca debater de forma aprofundada os efeitos da desinformação na sociedade brasileira, sempre com convidados especiais. O conteúdo tem a produção da @trovao_midia. O Reflexo está disponível gratuitamente nas principais plataformas de streaming de áudio do país, como Apple Podcasts, Breaker, Castbox, Deezer, Google Podcasts, Pocket Casts, RadioPublic e Spotify.

O conteúdo produzido pela Lupa é de inteira responsabilidade da agência e não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização prévia.

A Agência Lupa é membro verificado da International Fact-checking Network (IFCN). Cumpre os cinco princípios éticos estabelecidos pela rede de checadores e passa por auditorias independentes todos os anos

A Lupa está infringindo esse código? Clique aqui e fale com a IFCN

 

Esse conteúdo foi útil?

1 2 3 4 5

Você concorda com o resultado desta checagem?

Sim Não

Leia também

SIGNATORY- International Fact-Checking Network
Etiquetas
VERDADEIRO
A informação está comprovadamente correta
VERDADEIRO, MAS
A informação está correta, mas o leitor merece mais explicações
AINDA É CEDO PARA DIZER
A informação pode vir a ser verdadeira. Ainda não é
EXAGERADO
A informação está no caminho correto, mas houve exagero
CONTRADITÓRIO
A informação contradiz outra difundida antes pela mesma fonte
SUBESTIMADO
Os dados são mais graves do que a informação
INSUSTENTÁVEL
Não há dados públicos que comprovem a informação
FALSO
A informação está comprovadamente incorreta
DE OLHO
Etiqueta de monitoramento
Seções
Arquivo