Tem certeza que deseja sair da sua conta?

#Verificamos: É antigo vídeo de Bolsonaro sendo recepcionado por multidão no Piauí

Estagiária | Rio de Janeiro | lupa@lupa.news
22.out.2021 | 15h47 |

Circula pelas redes sociais um vídeo com dois minutos de duração que mostra o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) desembarcando no Aeroporto de Teresina – Senador Petrônio Portella, no Piauí. Bolsonaro é recebido por dezenas de pessoas, entre elas alguns jornalistas e fotógrafos. A legenda que acompanha a gravação afirma se tratar de um registro recente. Por meio do projeto de verificação de notícias, usuários do Facebook solicitaram que esse material fosse analisado. Confira a seguir o trabalho de verificação da Lupa:

“Bolsonaro chegando em Teresina Piauí. Tai o fora Bolsonaro, kkkkkkkk”

Legenda de post publicado no Facebook que, até as 13h de 22 de outubro de 2021, tinha 4,1 mil compartilhamentos

FALSO

A informação analisada pela Lupa é falsa. O vídeo que mostra Bolsonaro chegando ao aeroporto de Teresina foi gravado em 2017. A versão original, com pouco mais de oito minutos, está disponível no perfil oficial do presidente no Facebook. Nessa época, o então deputado federal rodava o país em pré-campanha.

A peça de desinformação foi publicada no Facebook em 17 de outubro. Naquele dia, um domingo, não há nenhum compromisso oficial registrado na agenda do presidente. Na semana anterior, Bolsonaro também não teve compromissos oficiais na segunda (11) e na terça-feira (12) – no feriado, no entanto, participou de uma missa na Basílica de Aparecida (SP). Na quarta (13), o presidente esteve em São Paulo para a entrega de títulos de terra a produtores rurais. Ele cumpriu agenda em Brasília na quinta (14) e na sexta-feira (15). Na segunda-feira seguinte (18), viajou para Minas Gerais. 

A última vez que Bolsonaro esteve no Piauí foi em maio. Depois de participar da inauguração de uma ponte que fica sobre o Rio Parnaíba, no Maranhão, o presidente seguiu em uma moto da Polícia Rodoviária Federal para o município de Santa Filomena, no Piauí — sendo assim, sequer chegou ao estado pelo aeroporto. 

Outros sinais apontam que o registro não é recente. As pessoas que aparecem nas cenas não estão usando máscaras de proteção contra a Covid-19 e não há delimitações no local. Além disso, é possível ouvir gritos de “queremos Bolsonaro presidente do Brasil”.

Não são novidade vídeos de Bolsonaro em aeroportos circulando fora de contexto pelas redes sociais. Em setembro, a Lupa verificou que uma gravação no Aeroporto Internacional de Natal, capital do Rio Grande do Norte, foi falsamente atribuída a outra localidade, o Aeroporto Internacional John F. Kennedy, em Nova York, nos Estados Unidos. Em maio, a Lupa já tinha verificado a mesma gravação – a legenda que acompanhava o vídeo falsamente afirmava que o presidente estaria chegando no Equador.

Nota:‌ ‌esta‌ ‌reportagem‌ ‌faz‌ ‌parte‌ ‌do‌ ‌‌projeto‌ ‌de‌ ‌verificação‌ ‌de‌ ‌notícias‌‌ ‌no‌ ‌Facebook.‌ ‌Dúvidas‌ sobre‌ ‌o‌ ‌projeto?‌ ‌Entre‌ ‌em‌ ‌contato‌ ‌direto‌ ‌com‌ ‌o‌ ‌‌Facebook‌.

Editado por: Maurício Moraes

O conteúdo produzido pela Lupa é de inteira responsabilidade da agência e não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização prévia.

A Agência Lupa é membro verificado da International Fact-checking Network (IFCN). Cumpre os cinco princípios éticos estabelecidos pela rede de checadores e passa por auditorias independentes todos os anos

A Lupa está infringindo esse código? Clique aqui e fale com a IFCN

 

Esse conteúdo foi útil?

1 2 3 4 5

Você concorda com o resultado desta checagem?

Sim Não

Leia também

SIGNATORY- International Fact-Checking Network
Etiquetas
VERDADEIRO
A informação está comprovadamente correta
VERDADEIRO, MAS
A informação está correta, mas o leitor merece mais explicações
AINDA É CEDO PARA DIZER
A informação pode vir a ser verdadeira. Ainda não é
EXAGERADO
A informação está no caminho correto, mas houve exagero
CONTRADITÓRIO
A informação contradiz outra difundida antes pela mesma fonte
SUBESTIMADO
Os dados são mais graves do que a informação
INSUSTENTÁVEL
Não há dados públicos que comprovem a informação
FALSO
A informação está comprovadamente incorreta
DE OLHO
Etiqueta de monitoramento
Seções
Arquivo