Tem certeza que deseja sair da sua conta?

#Verificamos: É falso que Ana Hickmann disse que Bolsonaro é seu candidato para 2022

Estagiária | Rio de Janeiro | lupa@lupa.news
08.nov.2021 | 16h24 |

Circula pelas redes sociais uma publicação que afirma que a apresentadora e modelo Ana Hickmann disse que o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) é o seu candidato para as eleições presidenciais do próximo ano. O post não menciona a data nem o local em que ela teria feito a suposta declaração de apoio. Por meio do ​projeto de verificação de notícias​, usuários do Facebook solicitaram que esse material fosse analisado. Confira a seguir o trabalho de verificação da Lupa:

“Ana Hickmann, dispara: ‘Bolsonaro é meu candidato pra 2022′”

Legenda de post publicado no Facebook que, até as 11h de 8 de novembro de 2021, tinha 256 compartilhamentos

FALSO

A informação analisada pela Lupa é falsa. A apresentadora Ana Hickmann disse, em nota enviada por meio de sua assessoria de imprensa, que não declarou apoio a nenhum pré-candidato às eleições presidenciais de 2022. O texto destaca ainda que a modelo repudia a veiculação de informações falsas. 

Nas redes sociais oficiais da comunicadora — Instagram, Twitter e Facebook — não há qualquer conteúdo publicado sobre um suposto apoio dela a Bolsonaro para as eleições presidenciais de 2022. Nos últimos posts em seu Instagram e Facebook, a empresária postou fotos com a família, propagandas de seus produtos e lamentou a morte da cantora sertaneja Marília Mendonça. No Twitter, Hickmann costuma publicar regularmente fotos dos bastidores do seu programa na Rede Record e cenas com a família, além de divulgar os vídeos do seu canal no YouTube.

A foto que aparece no post não é recente. No dia 27 de março de 2019, Hickmann fez uma publicação em seu Instagram em que aparece com o marido, o empresário Alexandre Correa, ao lado de Bolsonaro. Na legenda, escreveu: “Hoje eu tive a honra de conhecer o meu presidente”. A postagem gerou repercussão negativa nas redes sociais e foi excluída.

No programa Hoje em Dia, da Rede Record, que Hickmann apresenta há cerca de dez anos, a comunicadora chegou a fazer merchandising para o governo federal. Isso ocorreu, no entanto, no final de 2020. A Secretaria de Comunicação Especial da Presidência (Secom) pagou cerca de R$ 357 mil para a Record, a fim de que Hickmann divulgasse a nova cédula de R$ 200. 

Nota:‌ ‌esta‌ ‌reportagem‌ ‌faz‌ ‌parte‌ ‌do‌ ‌‌projeto‌ ‌de‌ ‌verificação‌ ‌de‌ ‌notícias‌‌ ‌no‌ ‌Facebook.‌ ‌Dúvidas‌ sobre‌ ‌o‌ ‌projeto?‌ ‌Entre‌ ‌em‌ ‌contato‌ ‌direto‌ ‌com‌ ‌o‌ ‌‌Facebook‌.

Editado por: Maurício Moraes

O conteúdo produzido pela Lupa é de inteira responsabilidade da agência e não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização prévia.

A Agência Lupa é membro verificado da International Fact-checking Network (IFCN). Cumpre os cinco princípios éticos estabelecidos pela rede de checadores e passa por auditorias independentes todos os anos

A Lupa está infringindo esse código? Clique aqui e fale com a IFCN

 

Esse conteúdo foi útil?

1 2 3 4 5

Você concorda com o resultado desta checagem?

Sim Não

Leia também

SIGNATORY- International Fact-Checking Network
Etiquetas
VERDADEIRO
A informação está comprovadamente correta
VERDADEIRO, MAS
A informação está correta, mas o leitor merece mais explicações
AINDA É CEDO PARA DIZER
A informação pode vir a ser verdadeira. Ainda não é
EXAGERADO
A informação está no caminho correto, mas houve exagero
CONTRADITÓRIO
A informação contradiz outra difundida antes pela mesma fonte
SUBESTIMADO
Os dados são mais graves do que a informação
INSUSTENTÁVEL
Não há dados públicos que comprovem a informação
FALSO
A informação está comprovadamente incorreta
DE OLHO
Etiqueta de monitoramento
Seções
Arquivo