Tem certeza que deseja sair da sua conta?

#Verificamos: É falso que Lula fez passeio de barco durante crise das enchentes de SC em 2008

Repórter | Rio de Janeiro | lupa@lupa.news
05.jan.2022 | 19h27 |

Circula pelas redes sociais uma reprodução dos títulos de duas notícias publicadas em dezembro de 2008 para sugerir que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) fazia um passeio de barco em Fernando de Noronha durante o auge da crise das enchentes em Santa Catarina. Por meio do ​projeto de verificação de notícias​, usuários do Facebook solicitaram que esse material fosse analisado. Confira a seguir o trabalho de verificação da Lupa:

“Interessante, né?👀”
Legenda de imagem que, até 18h do dia 5 de janeiro de 2022, havia sido curtida por 45 mil usuários no Instagram

FALSO

A informação analisada pela Lupa é falsa. Embora as capturas de tela sejam verídicas, o auge da crise das enchentes de 2008 em Santa Catarina ocorreu entre as últimas semanas de novembro e as primeiras semanas de dezembro daquele ano. O  então presidente Luiz Inácio Lula da Silva visitou as regiões afetadas em duas ocasiões. Posteriormente, em 30 de dezembro, o petista viajou para o arquipélago de Fernando de Noronha, onde passou a virada do ano.

A imagem que circula nas redes sociais reproduz as manchetes de duas reportagens publicadas pelo jornal Gazeta do Povo e pelo portal G1. As datas mostradas nos prints são reais, mas a primeira delas está fora de contexto com o objetivo de sugerir que o ex-presidente agiu com negligência diante da crise de 2008.

Na verdade, o texto da Gazeta do Povo “Santa Catarina vive a pior tragédia em 34 anos”, creditado à Agência Estado, era parte de um especial que traçava uma retrospectiva de 2008 — ou seja, o conteúdo foi publicado posteriormente à crise. O jornal fazia um balanço das enchentes que atingiram o estado junto outras notícias relevantes do ano, como a eleição de Barack Obama, o primeiro presidente negro dos Estados Unidos. “As chuvas que assolam o Vale do Itajaí, em Santa Catarina, causaram morte e destruição em novembro”, diz o início da reportagem, pontuando devidamente o momento das enchentes.

A segunda manchete, reproduzida do portal G1, mostra uma foto de Lula e a primeira-dama Marisa Letícia em um passeio de barco em Fernando de Noronha. O então presidente teve um compromisso em Recife (PE) no dia 30 de dezembro de 2008 e viajou de lá até o arquipélago, onde passou a virada do ano.

A agenda de viagens do petista registra duas visitas às regiões atingidas pelas enchentes em Santa Catarina. Em 26 de novembro de 2008, Lula sobrevoou o município de Navegantes, ocasião em que se disse impressionado com o volume das águas e anunciou a liberação de R$ 1,6 bilhão para estados atingidos pelas chuvas. Já em 12 de dezembro, o então presidente retornou a Navegantes e estendeu sua visita a Blumenau e Itajaí, onde anunciou recursos para a recuperação do porto da cidade.

Na época, 60 cidades foram afetadas e cerca de 1,5 milhão de pessoas foram atingidas pelas enchentes em Santa Catarina. Ao menos 135 morreram.

Nas últimas semanas, o presidente Jair Bolsonaro (PL) foi alvo de críticas por não interromper sua visita ao litoral catarinense enquanto a Bahia enfrentava uma crise por causa das chuvas. Fotos dos passeios de jet ski do mandatário ajudaram a subir a hashtag #BolsonaroVagabundo nas redes sociais. O presidente, inclusive, declarou que esperava não precisar retornar de suas férias antes do previsto. Ao menos 26 pessoas morreram e 715 mil foram afetadas no estado nordestino.

Nota:‌ ‌esta‌ ‌reportagem‌ ‌faz‌ ‌parte‌ ‌do‌ ‌‌projeto‌ ‌de‌ ‌verificação‌ ‌de‌ ‌notícias‌‌ ‌no‌ ‌Facebook.‌ ‌Dúvidas‌ sobre‌ ‌o‌ ‌projeto?‌ ‌Entre‌ ‌em‌ ‌contato‌ ‌direto‌ ‌com‌ ‌o‌ ‌‌Facebook‌.

Editado por: Chico Marés

O conteúdo produzido pela Lupa é de inteira responsabilidade da agência e não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização prévia.

A Agência Lupa é membro verificado da International Fact-checking Network (IFCN). Cumpre os cinco princípios éticos estabelecidos pela rede de checadores e passa por auditorias independentes todos os anos

A Lupa está infringindo esse código? Clique aqui e fale com a IFCN

 

Esse conteúdo foi útil?

1 2 3 4 5

Você concorda com o resultado desta checagem?

Sim Não

Leia também

SIGNATORY- International Fact-Checking Network
Etiquetas
VERDADEIRO
A informação está comprovadamente correta
VERDADEIRO, MAS
A informação está correta, mas o leitor merece mais explicações
AINDA É CEDO PARA DIZER
A informação pode vir a ser verdadeira. Ainda não é
EXAGERADO
A informação está no caminho correto, mas houve exagero
CONTRADITÓRIO
A informação contradiz outra difundida antes pela mesma fonte
SUBESTIMADO
Os dados são mais graves do que a informação
INSUSTENTÁVEL
Não há dados públicos que comprovem a informação
FALSO
A informação está comprovadamente incorreta
DE OLHO
Etiqueta de monitoramento
Seções
Arquivo