cartas

Da Galileia ao Piauí

A colaboração, cada vez mais formidável, de nossos incomparáveis leitores

LIBERDADE, LIBERDADE

Eu lhe falei de um lugar onde nos sentiríamos no deserto. Sua gratidão me confortou. Partimos em silêncio.

Não pretendo escrever muito neste texto, parti em silêncio e vou continuar neste estado; somente a gratidão de uma amiga também inconformada me trouxe conforto neste deserto literário.

Cansei de encaixar frases nos concursos literários da piauí, até porque eles nunca ousariam publicar um texto meu em suas páginas. Talvez eu seja muito contracultural, mas ao menos tenho a coragem de protestar contra o monopólio das frases encaixadas.



Abaixo as frases encaixadas! Que a liberdade das frases soltas volte a reinar na sociedade literária!
CAIO LUCON_MOGI MIRIM, SP

 

FÃS, UNITE!

Ser fã de piauí significa levá-la consigo para todos os lugares. E eu disse todos os lugares: é amassada mesmo, dentro da bolsa, dobrada em quatro, se for preciso. Acredite, já tentei de tudo.

Leio muito no metrô, sentada ou em pé. Toda vez que vejo outro alguém com uma igualzinha, olho no olho da pessoa e sei, “Ah, você também sabe o que é bom na vida!” Por um milésimo de segundo somos unidos por uma simpatia reconfortante. Aquela sensação de familiaridade bizarra que, às vezes, temos com completos desconhecidos. Sim, não estamos sozinhos no mundo! Fãs de piauíunite. Mostrem ao mundo o seu bom-gosto! Leve a sua piauí para dar uma volta. Você nunca sabe quem pode encontrar.
CAROLINA ROSSETTI DE TOLEDO_SÃO PAULO, SP

 

HERÓI SEM DISCÍPULOS

Olavo Rebêlo, deputado estadual do PT, com assento nesta Casa Legislativa, requer, com fundamento no artº 96, 1, “f”, do Regimento, após ouvido o plenário, a expedição de ofício dirigido à editora da revista piauí.

O Estado do Piauí tem contribuído para o fortalecimento da Nação Brasileira, por meio de ações meritórias de cidadãs e cidadãos piauienses, na cultura, na política e nas ciências. O desconhecimento dessas realizações pelos demais brasileiros tem produzido historicamente uma imagem distorcida da realidade piauiense. Por isso, faz-se oportuno formalizar o reconhecimento da Assembléia Legislativa do Estado do Piauí à iniciativa da direção da revista piauí, que decidiu por denominar o versículo de comunicação com o vocábulo Piauí, referência ao Estado, a um rio integrante da Bacia Hidrográfica Parnaibana e a uma tribo indígena, infelizmente exterminada, que habitava o vale do referido rio.

No processo histórico piauiense, como um dos exemplos das ações meritórias de cidadãs e cidadãos nascidos no Piauí, merece destaque a atuação do jornalista e político militante David Moreira Caldas, que é referencial de conduta profissional pautada na ética e símbolo do jornalismo que não se atemoriza perante os tiranos.

Na opinião de Celso Pinheiro Filho ─ autor de História da Imprensa no Piauí ─, David Moreira Caldas é a imitação estupenda do herói da Galiléia, diferindo deste porque não tinha sequer discípulos.
DEP. OLAVO REBÊLO_ASSEMBLÉIA LEGISLATIVA_TERESINA, PI

 

AVIÕES E BOMBAS

Escrever para revista nunca fez meu estilo. Nem sei por que faço isso agora. Deve ser por ter visto o pequeno anúncio Escreva para a Piauí. Aviões batem em torres e as coisas mudam. Uma bomba explode no Japão e tudo muda. É o acaso. Por isso escrevi, pelo simples acaso.
ROBSON MENDES_SOROCABA, SP

NOTA DA REDAÇÃO: preferimos explodir nossas vendas. E não por acaso.

Leia também

Últimas Mais Lidas

Marcadores do destino

Marcadores presentes no sangue podem aumentar ou diminuir os riscos do paciente infectado pela Covid-19 em desenvolver casos graves da doença

De puxadinho da Universal a queridinho da direita

No espaço deixado pelo PSL, Republicanos dobra número de prefeitos e se torna partido com mais vereadores eleitos em capitais

Foro de Teresina #128: As urnas, o racismo e o vírus

O podcast de política da piauí discute os principais fatos da semana

Teatro político

Ricardo Nunes, vice da chapa de Bruno Covas, faz encontro em teatro que recebeu repasse de 150 mil reais autorizado pela prefeitura de São Paulo

Confiança no SUS tem crescimento recorde na pandemia

Pesquisa inédita do Ibope mostra que, em 2020, a população passou a confiar mais em quase todas as instituições – menos no presidente e seu governo

Virada eleitoral: missão (im)possível?

Só uma em cada quatro disputas de segundo turno teve reviravolta em relação ao primeiro nas últimas seis eleições municipais

Mais textos
3

Na cola de quem cola

A apoteose da tecnologia e o adeus aos estudos

7

A Arquiduquesa da canção e do escracho

Algum jovem, bem jovem mesmo, que por ventura me leia neste momento, não há de saber quem foi “Araca, a Arquiduquesa do Encantado”, estou certa? Assim era chamada a cantora favorita de Noel Rosa e tantos outros, a super Aracy de Almeida. Mulher absolutamente singular em sua figura e trajetória.

8

Janelas para o passado

Vêm da Inglaterra iniciativas interessantes lançadas na internet esta semana que ajudam a entender melhor duas civilizações antigas. Um projeto disponibiliza na rede fragmentos de papiros egípcios da época da ocupação grega, incluindo textos de Platão, Heródoto e Epicuro, e convida os internautas para ajudar a decifrá-los. Foi inaugurada também uma biblioteca digital de manuscritos de Avicena e outros nomes da medicina árabe do período medieval.

9

Miriam

Miriam, a mulher com um problema na garganta

10

PMDB decide apoiar Obama e Raúl Castro

"Abaixo o capitalismo e o socialismo! Viva o fisiologismo!", discursou Temer