diário da presidência

Dentro do poder

O cotidiano das conversas, negociações e preocupações do primeiro mandatário, registrado num pequeno gravador

Fernando Henrique Cardoso
Em abril de 96, FHC diz: “Começo a sentir o travo amargo do poder, no seu aspecto mais podre de toma lá dá cá: se eu não der algum ministério, o PPB não vota; se eu não puser o Luiz Carlos Santos, o PMDB não cimenta – e muitas vezes fazemos isso e eles não entregam o que prometeram”
Em abril de 96, FHC diz: “Começo a sentir o travo amargo do poder, no seu aspecto mais podre de toma lá dá cá: se eu não der algum ministério, o PPB não vota; se eu não puser o Luiz Carlos Santos, o PMDB não cimenta – e muitas vezes fazemos isso e eles não entregam o que prometeram” FOTO: ORLANDO BRITO

Entre 1995 e 2002, FERNANDO HENRIQUE CARDOSO registrou de forma metódica as experiências que viveu como presidente da República. Munido de um pequeno gravador, relatava a si mesmo, em voz alta, o que lhe parecia significativo ou curioso no cotidiano do poder. FHC reconstitui encontros e conversas com amigos e aliados, diz o que pensa de uns e de outros, faz críticas (mais do que elogios), comenta notícias a respeito do governo, reclama da imprensa, manifesta inquietações, identifica interesses e aponta intrigas a seu redor.

Do extenso documento gravado resultarão cerca de 4 mil páginas, que estão sendo transcritas pela antropóloga Danielle Ardaillon, curadora do acervo do Instituto Fernando Henrique Cardoso. Parte desse material, compreendendo os anos de 1995 e 1996, vem agora a público no primeiro volume dos Diários da Presidênciaa ser lançado no final deste mês pela Companhia das Letras. O livro reúne quase noventa horas de gravação decupadas de 44 fitas cassete. Os outros três volumes devem ser publicados pela mesma editora até meados de 2017.

MATÉRIA FECHADA PARA ASSINANTES
Para acessar, assine a piauí

Fernando Henrique Cardoso

Sociólogo, foi senador, ministro das Relações Exteriores e da Fazenda, e presidente da República por dois mandatos consecutivos

Leia também

Últimas Mais Lidas

Projeto da piauí é um dos vencedores de desafio do Google

"Refinaria de Histórias" vai transformar reportagens em séries, filmes e documentários

Maria Vai Com as Outras #6 – parte II: Trans – Gênero, corpo e trabalho

A advogada Márcia Rocha fala sobre a inserção de pessoas trans no mercado de trabalho formal

PT e aliados preparam campanha Lula-2022

Solto, ex-presidente vai percorrer o país e comandar oposição a Bolsonaro

Os donos do Supremo

Professora da FGV critica poder absoluto da presidência da Corte sobre pauta de votação: “Pode levar todo o tribunal para o buraco”

Foro de Teresina #76: O mistério da casa 58, o golpismo bolsonarista e o pacote de Paulo Guedes

O podcast de política da piauí discute os principais fatos da semana

Começo para uma história sem fim

Como uma foto, um porteiro e um livro de registros complicaram ainda mais a investigação do caso Marielle

Parasita – nepotismo, corrupção e benfeitores

Em conexão inesperada com o Brasil, sátira coreana ajuda a pensar sobre parasitas e hospedeiros

Na piauí_158

A capa e os destaques da revista que começa a chegar às bancas

Mais textos
1

Começo para uma história sem fim

Como uma foto, um porteiro e um livro de registros complicaram ainda mais a investigação do caso Marielle

3

O estelionatário

O brasileiro que enganou um mafioso italiano, políticos panamenhos e Donald Trump

5

Cientista da democracia

O que os experimentos de Claudio Ferraz têm a dizer sobre o nosso sistema político, a sabedoria do eleitor e o governo de Jair Bolsonaro

7

Na piauí_158

A capa e os destaques da revista que começa a chegar às bancas

8

PT e aliados preparam campanha Lula-2022

Solto, ex-presidente vai percorrer o país e comandar oposição a Bolsonaro

9

Os donos do Supremo

Professora da FGV critica poder absoluto da presidência da Corte sobre pauta de votação: “Pode levar todo o tribunal para o buraco”

10

Foro de Teresina #76: O mistério da casa 58, o golpismo bolsonarista e o pacote de Paulo Guedes

O podcast de política da piauí discute os principais fatos da semana