diário da Dilma

O machado esquece, a árvore recorda

Esses cubanos fazem muito rolo. Cada hora some um médico. De agora em diante, vou instituir a chamada.

<i>O balancê do PT/ Quero dançar com você/ Entra no Bolsa Família pra ver/ A sua renda crescer</i>
O balancê do PT/ Quero dançar com você/ Entra no Bolsa Família pra ver/ A sua renda crescer ILUSTRAÇÃO: CACO GALHARDO_2014

1º DE FEVEREIRO_Já sabendo que tudo atrasa neste país da #CopadasCopas, passei o Carnaval para março. Sou um ás do planejamento.

2 DE FEVEREIRO_Acho que o García Márquez teve a ideia do título de Cem Anos de Solidão depois de passar meia hora na companhia do Guido. Batata: assim que terminei de despachar com ele me bateu uma enxaqueca daquelas de ver a aura. Solidário, Mercadante me escreveu um bilhetinho ensinando que, para aliviar o desconforto, basta fazer pressão entre o quarto e o quinto dedos do pé. É mesmo o homem ideal para a Casa Civil.

3 DE FEVEREIRO_Empossei formalmente o Mercadante na Casa Civil, o novo Padilha e mais dois que não lembro. Sei que o quarteto veio de gravata vermelha. Tão lindos.

Michel Temer, aquele janotinha, fez questão de me dizer que é terminantemente contra a liberação de bermudas no Congresso Nacional. Eu já estava sonhando com um discurso do Lobão de pernas de fora.



4 DE FEVEREIRO_Delúbio, Dirceu e Genoino são homens à frente de seu tempo. Que ideia eles me deram! Vou disparar uma campanha online para arrecadar fundos contra o apagão.

5 DE FEVEREIRO_Recebi o Gilberto Kassab. Firme, ele me disse que não é a favor nem contra as manifestações e que torcerá pela Suíça na Copa do Mundo. Um homem ponderado.

Titia está me azucrinando para economizar água. Comprou prato, guardanapo de papel e escondeu os talheres. É um verdadeiro suplício cortar bife com faca de plástico. Bastou eu reclamar para ela mandar a empregada fazer só carne moída. Tomei ojeriza de torta Madalena, aquele purê safado com carninha.

6 DE FEVEREIRO_Toni Servillo está tão charmoso em A Grande Beleza. O Buffon me provoca emoções complexas toda vez que o vejo na seleção italiana. E nem falemos daquele pedaço de mau caminho que era o Mario Monti. Então eu pergunto: com tanto homem esculpido em mármore, é logo esse Pizzolato que querem me mandar de volta? Francamente.

7 DE FEVEREIRO_Essa Rachel Sheherazade deixou a Eleonora Menicucci e a Maria do Rosário em parafuso. Elas não sabem mais se apoiam as mulheres, as minorias, os direitos humanos ou a liberdade de expressão.

9 DE FEVEREIRO_Comecei a descolorir os pelos do antebraço com água oxigenada. Adeus depilação. Fazendo as contas, ganhei uns trinta minutos de tempo útil por dia. Produtividade, teu nome é Dilma.

11 DE FEVEREIRO_A que a gente não se submete em ano eleitoral! Mandei fazer um terninho lindo, com rendado nas mangas, tudo superespecial para estrear numa viagem bacana. Me mandaram para o Mato Grosso, onde tive que pilotar uma colheitadeira. Ficou ridículo!

Como se não bastasse, ainda tirei foto com o Blairo Maggi, sorri para o pessoal da bancada ruralista e joguei soja para cima. Parecia Miss Paraná com peneira de café em desfile de traje típico. Micão! No caminho de volta, minha orelha ficou quente e vermelha. Pensei: “Fui longe demais.”

13 DE FEVEREIRO_Um dia depois de minha ida a Sinop, o MST promove um quebra-quebra aqui na Praça dos Três Poderes. Eu mereço.

Mandei um concunhado de um vizinho do meu oftalmologista checar se tenho alguma ligação com o Freixo.

14 DE FEVEREIRO_Fizemos o bolão do Oscar. Gracinha, Erenice, Ideli, eu e as secretárias. Cada uma pingou cinquentinha. Cravei tudo no 12 Anos de Escravidão. Americano é louco por esse assunto! Ideli fez promessa para o Bradley Cooper ganhar. Ela acha que se ele souber é capaz de ligar para agradecer. Como ela é tonta.

Não estou entendendo bem essa novela nova. Muita confusão de Helena.

15 DE FEVEREIRO_Passei o domingão vendo Olimpíada de Inverno com mamãe. Gostei muito do curling. Será que tem banco de horas para aquela gente que fica fazendo faxina no gelo?

16 DE FEVEREIRO_Esses cubanos fazem muito rolo. Cada hora some um médico. De agora em diante, vou instituir a chamada. Quero ver o resultado diariamente. A gente paga direitinho e ainda tem que aguentar desaforo. Ou eles sossegam ou vou pegar o dinheiro de volta. Se reclamarem, ainda peço a devolução da Odebrecht.

18 DE FEVEREIRO_Ninguém merece um voo às sete e meia da manhã para Governador Valadares. Governador Valadares! País ingrato esse daqui. Ou alguém acha que Churchill teria entrado para a história se tivesse que ir para Governador Valadares?

Vou despachar o Marco Aurélio para a Venezuela. A essa altura nem sei se adianta. Esse Maduro é muito sem carisma.

20 DE FEVEREIRO_Meu santo nunca cruzou com o da Miriam Belchior. Eu tenho faro. Não é que ela agora se referiu a mim como “presidenta Lula”? Me subiu uma raiva que nem conto. Na hora tive de ficar quieta, mas depois me encontrei com ela e disse baixinho: “Beijinho no ombro, querida.” Ela se fez de morta, fingiu que não entendeu. Sonsa! O machado esquece, a árvore recorda. Ela que espere.

21 DE FEVEREIRO_Nem só de chateações vive uma presidenta. A Festa da Uva em Caxias do Sul foi uma farra. Tomei vinho até me acabar e me fartei de galetinho. No dia seguinte os jornais vieram dizer que eu pendurei a conta. Pendurei nada, me esqueci mesmo! Esses jornalistas são todos uns super-heróis. Nenhum deles jamais ficou de pilequinho, fez bobagem, foi ridículo, confessou uma vileza. Não tem alguém que já escreveu sobre isso? Mário Quintana, alguém bom assim. Vou perguntar para o Celso Amorim, que tem fama de intelectual.

Descobri que combinar o tom do batom com o do esmalte virou tendência.

22 DE FEVEREIRO_Confesso: me apeguei ao papa. Além de simpático, mora em Roma. Como gosto de ir para lá, meu Deus! Dessa vez parece que o Espírito Santo baixou em mim. Foi o fino aquela minha tirada da mão de Deus na Copa. Tem dia em que a gente acorda inspirada mesmo. Pena que ele não possa vir para a abertura. Com o Santo Padre e Fernanda Lima na Copa eu nadaria de braçada!

23 DE FEVEREIRO_Fiquei boba quando eu vi aquela ex-presidenta da Ucrânia saindo da cadeia com uma trança tão bem-feita, o cabelo brilhando, uma beleza! O Zé Eduardo Cardoso vai pesquisar para mim as condições carcerárias de lá. Deve ter até cabeleireiro. Como o Brasil é atrasado!

24 DE FEVEREIRO_Estou por aqui com esses empresários! Parecem filhos de cego. Só sabem pedir, pedir, pedir!

26 DE FEVEREIRO_Baile de pré-Carnaval do PT! Esquindô, esquindô! Tudo escondido da imprensa golpista. Fui fantasiada de Sininho, Lula foi de Peter Pan.

Tivemos, claro, que convidar o PMDB. Pela quinta caipirinha, cerquei o Lobão e cantarolei assim que a esposa dele foi ao banheiro: “Sa-sa-sa-ricando, todo mundo leva a vida no arame.” No final, fez sucesso a marchinha que o Temer compôs de supetão. “Mamãe eu quero/ Mamãe eu quero/ Ma-mãe eu quero ma-mar/ Me dá governo/ Me dá governo/ Me dá governo que é pro PMDB não chorar.”

27 DE FEVEREIRO_Ressaquinha braba. Passei o dia à base de água de coco e sopa de lentilha.

Eu não sei onde o pessoal está arranjando tanto dinheiro para gastar no exterior. Aí me aparece esse rombo nas contas externas e eu tenho que dar explicação. Não tenho nada a ver com isso. Aqui em casa o dinheiro é contado, não dá para extravagância.

Meu Deus, como a gente paga com a língua. Fiz aquele discurso para deixar claro que na Copa não vai ter moleza para quem protestar. É cana mesmo! Quando me ouvi no rádio, pensei estar escutando o general do “prendo e arrebento”. Para piorar, hoje à tarde me peguei achando o Bolsonaro meio sexy. Onde tudo isso vai parar, minha beata Anastasia Ilario?

Leia também

Últimas Mais Lidas

Vacina sim, mas qual?

O uso disseminado de máscaras pode expor a população a quantidades minúsculas de Sars-CoV-2 e aumentar a proporção de casos assintomáticos de Covid-19?

Onde há fumaça…

… há o Pantanal em chamas, um vírus disseminado e o abandono da cultura – as marcas do governo do capitão

A primeira onça

Biólogo relata dia a dia de expedição para rastrear felinos e mergulha em região do Pantanal onde a ameaça do fogo convive com um pedaço de natureza que ainda resiste

Vacina a jato

Contra a Covid-19, empresas e OMS analisam liberar produto com 60% de eficácia, mas pesquisadores debatem riscos éticos e sanitários

A Bíblia e a bala

Nas polícias, setores evangélicos pentecostais dão sustentação às posições mais radicais do bolsonarismo

No meio do fogo, entre o atraso e o retardante

Diante do avanço das queimadas no Pantanal, governo de Mato Grosso apela a produto químico de efeitos ainda desconhecidos no meio ambiente após longo tempo de uso

Mais textos
1

R$ 0,46 no tanque dos outros

Agora, caminhoneiros grevistas usam WhatsApp para defender queda da gasolina, de Temer e da democracia

2

A vida e a morte de uma voz inconformada

Os últimos momentos de Marielle Franco, a vereadora do PSOL executada no meio da rua no Rio de Janeiro sob intervenção

4

Ray Kurzweil e o mundo que nos espera

Uma entrevista com o inventor e futurólogo americano

5

90

7

Cientistas em rede

Em tempos de web 2.0, os pesquisadores interessados em interagir com colegas de todo o mundo com quem dividem os mesmos interesses acadêmicos têm à sua disposição uma série de plataformas para trocar informações sobre novos estudos e congressos. O ecossistema das redes sociais para cientistas está cada vez mais diverso. Entre serviços parecidos com o Facebook e portais para o compartilhamento de arquivos, tem opções para todos os gostos – inclusive para quem busca uma alma gêmea num laboratório.

9

Bolsonaro não queria sair da Santa Casa

A história de como a família do presidenciável dispensou o Sírio-Libanês, contrariou a vontade do candidato de ficar em Juiz de Fora e aceitou a proposta do tesoureiro do PSL de levá-lo para o Einstein

10

Military Fashion Week

Nelson Jobim übersexy e hiperbélico no the piauí herald