diário da Dilma

Neto de onça já nasce pintado

A Fifa me escolhe a Claudia Leitte para o clipe da Copa. Não fosse o Aloizio, eu tinha saído na rua para queimar ônibus

Mostrei pro Valcke que laquê bem aplicado é mais econômico do que essa bobagem de cobertura
Mostrei pro Valcke que laquê bem aplicado é mais econômico do que essa bobagem de cobertura ILUSTRAÇÃO: CACO GALHARDO_2014

1º DE MAIO_Só se fala em inflação, Petrobras, risco de apagão e a madame aqui não pode anunciar bondades pro povão? Tudo de bom que eu anuncio a imprensa diz que é campanha antecipada! Bando de recalcados! Mandei o Franklin acelerar a tal história do controle social. Não sei bem do que se trata, mas se os três Marinhos perderem ao menos dois minutos de sono já estará de bom tamanho.

2 DE MAIO_Ódio desse negócio de “Volta, Lula”. Quando era criança, meu tio Hristo, um bulgarão bonito de Turgovishte, brincava comigo sempre que mamãe me levava ao cinema: “Vai assistir A Volta dos que Não Foram?” Não era piada, era profecia.

3 DE MAIO_Sabadão e eu no batente. Comecei o dia na ExpoZebu 2014. Em seguida, fui para a cerimônia de lançamento da pedra fundamental da Unidade de Fertilizantes Nitrogenados V da Petrobras. Às vezes nem eu entendo por que quero me reeleger.

Lula ligou esbaforido para dizer que a Fifa mudou o mascote da Copa. Apreensiva, perguntei qual era o novo bicho. “Um elefante branco!”, devolveu o grande pândego da nação. Impressionante como ainda caio nessas pegadinhas. A herança búlgara é pródiga em ética do trabalho, capacidade gerencial e instinto judicioso para a aplicação do laquê, mas não nos prepara para as sutilezas do humor.

4 DE MAIO_Dia de folga. Coloquei a leitura da revista Máxima em dia e descobri que os formatos de nariz “podem oferecer pistas de quem você é de verdade”. Narinas largas, por exemplo, são sinal de espontaneidade. Recortei. Devo dizer que fiquei algo ruborizada ao tomar conhecimento do que se infere do apêndice do Moreno. Pelo sim, pelo não, separei um Isordil para a próxima reunião de gabinete.

Aproveitei para dar uma olhada no resumo que o Mercadante me fez do livro do tal do Piketty. Não quero ser pega de calças curtas pela Miriam Leitão. Li e não entendi nada. Pelo jeito, Aloizio também não. Vou apelar para o Tombini. Tenho a impressão de que a turma do Banco Central estudou em melhores universidades.

6 DE MAIO_Me esbaldei no jantar com mulheres jornalistas. Teve gente que veio com sapato peep toe menor do que o tamanho do pé e ficou com os dedos esbugalhados. Não vou citar nomes.

7 DE MAIO_Sai a lista do Felipão e o homem ignora solenemente a figurinha do Robinho, justo essa que ganhei no bafo numa disputa acirrada com a Ideli. Vai ter volta.

8 DE MAIO_Fui visitar o Itaquerão e tive dificuldade para estabilizar o capacete sem provocar rupturas no laquê. Os torcedores também terão de usar capacete? Seria bom avisar logo.

9 DE MAIO_Acordei num bad hair day. Convoquei o Kamura e disse que ele tem até o início da Copa para deixar meu cabelo como o da Lupita Nyong’o. Não há razão para as revistas não me incluírem na lista das mulheres mais fascinantes do mundo.

10 DE MAIO_Finalmente chegou o videokê que comprei pela internet. Estava em promoção na Ricardo Eletro. Passei o final de semana inteirinho cantando com mamãe: Coração aberto dizendo/Pra quem tá batendo/Chega de conversa bonita/Quero ver na vida/Eu não sou mulher de momento/Quero é sentimento.” Depois do terceiro Bacardi, me deu uma vontade louca de mandar um MP3 para o Ministério de Minas e Energia.

13 DE MAIO_Minha santa Inácia dos Desamparados, até eu fiquei com medo depois de assistir à propaganda do PT! O coração veio na boca e o jeito foi engolir o Isordil da reunião de gabinete. Passei uma descompostura no João Santana. Já estou com dor de barriga por causa da Copa e não posso ter mais tanto estresse.

14 DE MAIO_Começou o Festival de Cannes e eu aqui visitando estádio. Mal pude dar uma passadinha pelas fotos. A Nicole Kidman está com mais botox do que o Justus.

À noite ainda tive que jantar com os jornalistas esportivos. O Galvão não veio, mas adorei o Renato Maurício Prado. Um raposão! E desabafei, lavei a alma. Confessei publicamente que o Blatter e o Valcke são um encosto! Gente prego!

15 DE MAIO_Esse Eduardo Campos não quer nada com a hora do Brasil. Enquanto o couro come em Pernambuco o homem só pensa em fazer selfie no jatinho. Neto de onça já nasce pintado.

16 DE MAIO_Nada de Geraldo Vandré, MPB-4, Zizi Possi ou Danilo Caymmi. A Fifa me escolhe a Claudia Leitte para ser a voz brasileira no clipe da Copa do Mundo. Não fosse pela sensatez do Aloizio, eu tinha saído na rua para queimar ônibus.

Estive com o Kassab e o convidei para cantar no meu videokê. Ele escolheu “Eu sou de ninguém/Eu sou de todo mundo e todo mundo é meu também.” Rimos muito.

17 DE MAIO_Me comovi às lágrimas ao ler que uma pesquisadora do Ibama batizará de Dilma uma orquídea roxa que desenvolveu. Não é lindo? Contei para a Ideli e ela ficou tonta de inveja.

Qualquer dia desses o Lula me mata de vergonha. Babaquice é palavra que se use? Dizer que brasileiro adora andar a pé? Quero saber qual foi a última vez que ele deu uma volta no quarteirão.

18 DE MAIO_Ninguém consegue me confirmar quantos chefes de Estado vêm para essa maldita Copa. Preciso saber, a costureira está me pressionando. Quantas roupas terei que trocar? Eleonora, cheia das ideias, quer que eu mande fazer uma burca para receber o iraniano que ameaça baixar por aqui. Será? Ela diz que isso é multiculturalismo.

19 DE MAIO_Esse dia nacional de lutas foi um fracasso. Um sapeca iaiá daqui e outro dali e pronto, não abalou a República. E agora posso pensar em remarcar a depilação e a sobrancelha, que não vê pinça há semanas. A gente se descuida muito por causa do trabalho. Mamãe, tão vaidosa, já me chamou a atenção. Tive que dar razão a ela.

21 DE MAIO_Começou o diz-que-me-diz que eu subi na pesquisa. Percebi que devia ser verdade quando o Merval apareceu de olheiras na GloboNews.

22 DE MAIO_Me chamem de Nossa Senhora Dilminha da Boa Notícia. Anunciei safra recorde. A Marina vai ficar uma arara porque está cheia de transgênicos. E daí? Ela pensa que o mundo inteiro vai viver de semente de taperebá?

23 DE MAIO_Ufa, parei de despencar nas pesquisas. Vamos ver se o Lula sai do meu cangote. Fiz o que pude até agora. Tenho culpa que o trânsito de São Paulo não anda? Que aquele secretário do Transporte, que é assim com a Marta, não controla os motoristas? Cada um com seu cada um. O Haddad e o Padilha são postes dele. Hoje eu já tenho luz própria.

24 DE MAIO_Era o que me faltava! Jogador de futebol dando palpite na Copa. Subi nas tamancas com o Ronaldo. Aquele fenômeno adiposo podia calar a boca e se preocupar só com a forma. Está um monstro! A sorte é que apareceu o ministro do Turismo para me defender. Nem sabia o nome dele. Já pedi mil vezes para o Gilbertinho me atualizar dessas mudanças. Vinícius o que mesmo? Vou exigir crachá para todo mundo.

25 DE MAIO_Será que a classe média vai encolher de novo? Ai, esse terrorismo do Globo me mata! Nem no domingo a gente tem paz.

Preciso ter uma conversa com esse menino que fica atiçando os sem-casa. O Minha Casa Minha Vida não resolve? Eles querem o quê? Meu Duplex Meu Espaço Gourmet? Não se pode dar ousadia para pobre!

Já estou começando a achar que vai ter Copa.



Leia também

Últimas

Queridos, encolhi o país

Brasil piorou em PIB, renda per capita, indicadores de saúde e educação

Passou a boiada e agora chama a polícia

Bolsonaro desmonta sistema de fiscalização ambiental e, pressionado por Biden, diz que Força Nacional vai combater desmatamento

A cada 15 minutos, um Henry pede socorro

Serviços de saúde atendem por ano quase 33 mil crianças de até 9 anos com sinais de violência física, sexual ou psicológica; em cada quatro agressões, três acontecem dentro de casa

Temas recorrentes, tragédias perenes

A Última Floresta documenta, com olhar antropológico, aldeia na terra Yanomami

É praia, é piscina, é viagem oficial!

As equipes precursoras de Bolsonaro aumentam o número de dias das viagens e aproveitam para fazer turismo às custas do dinheiro público

Sem clima pra boiada

Conferência de chefes de Estado quer metas concretas de redução do desmatamento ilegal; estratégia bolsonarista atropela acordos com Biden

Mais textos