carta da argentina

A origem da tristeza

Reflexões sobre o aborto e sua legalização

Josefina Licitra
Quando perguntaram a Margaret Atwood como nascera a ideia de <i>O Conto da Aia</i>, ela falou dos experimentos nazistas e da Escola de Mecânica da Armada durante a ditadura argentina
Quando perguntaram a Margaret Atwood como nascera a ideia de O Conto da Aia, ela falou dos experimentos nazistas e da Escola de Mecânica da Armada durante a ditadura argentina ILUSTRAÇÃO_ZOË VAN DIJK

Só lembro do quarto e do banheiro. Minha casa toda, com vários cômodos, jardim e escritório no andar de cima, se reduz a esses únicos espaços onde tudo aconteceu. Foi há dez anos. No banheiro, vi no teste de gravidez as linhas que indicavam “positivo”. E no quarto seguiu-se o resto. A imagem é tão nítida que a recordo no presente: ando de um lado para o outro com os dedos cravados na cabeça, e repetindo “meu Deus”. Não quero outro filho; puxo os cabelos tentando arrancar alguma ideia. “Meu Deus, meu Deus”: é só isso que sai.

As paredes do quarto são cor de pêssego; o sol rebate nelas como se quisesse me convencer de algum tipo de felicidade possível. Sinto que vou morrer. A cada segundo há mais células dentro de mim: posso morrer ou enlouquecer, são essas as duas opções. Vou até o computador. Fica na sala de cima, mas não tenho lembrança daquele cômodo. Sei que estive lá, só isso. E que abri uma agenda de contatos. Durante anos, cobri notícias sobre aborto para o jornal Crítica de la Argentina. Procurei os médicos que eu tinha entrevistado sempre que precisei de uma opinião a favor da legalização. Eram poucos. Anotei os números e desci para o quarto: o lugar onde a lembrança volta a estar viva.

MATÉRIA FECHADA PARA ASSINANTES
Para acessar, assine a piauí

Josefina Licitra

Josefina Licitra, jornalista argentina, é autora de Los Otros: Una Historia del Conurbano Bonaerense, da Debate.

Leia também

Últimas Mais Lidas

Tempo eleitoral: modos de usar

Os dilemas do PSDB e do PT numa disputa atípica

Produtor de soja do MS é autor de “outdoor rural” pró-Bolsonaro

Projeto Comprova descobriu quem é o responsável pela imagem que viralizou e circula na internet desde o ano passado

A culpa do alto clero

Arranjo institucional do país aumenta a influência do dinheiro na política

O Grenal das vices

20 perguntas para mostrar as muitas diferenças e os poucos pontos em comum entre as gaúchas Manuela D’Ávila e Ana Amélia

Bolsonaro fala outra língua

O ex-capitão é o único presidenciável da era da conectividade

Maria vai com as outras #6: Lugar de homem

Adinaildes Gomes, dona de uma empresa de construção civil e motorista de aplicativo, e Karla de Souza, vigilante patrimonial, contam como é atuar em profissões historicamente masculinas

O medo e o mito

A relação entre Bolsonaro e um hit do axé

No sofá, com a crise

Desempregados passam a lavar carros em ruas do Rio e serviço conta até com sofá para os clientes. Um deles pergunta: “Prefere que eu assalte?”

Com Deus, sem Lula

Impressões sobre o primeiro debate dos presidenciáveis

O debate traduzido para o mercado financeiro

Em pesquisa para bancos, Ciro foi apontado como o candidato mais simpático, e Bolsonaro, o mais alvejado; piauí acompanhou o programa em consultoria que monitora redes sociais para as instituições

Mais textos