questões político-energéticas

Outra história americana

Como a Petrobras negociou pagar quase seis vezes mais por uma área de exploração de petróleo e gás nos Estados Unidos

Daniela Pinheiro
Diante do relatório que omitia da Petrobras a oferta mais barata, o advogado Norman Resnicow escreveu para seu sócio: “Isso nada tem a ver com o jeitinho brasileiro. Venalidade é venalidade, e enganação é enganação, não importa a nacionalidade.”
Diante do relatório que omitia da Petrobras a oferta mais barata, o advogado Norman Resnicow escreveu para seu sócio: “Isso nada tem a ver com o jeitinho brasileiro. Venalidade é venalidade, e enganação é enganação, não importa a nacionalidade.” FOTO: REPRODUÇÃO_REYNALDO ZANGRANDI

  English version

Nos escaninhos da corte de justiça de Denver, no Colorado, repousa o processo número CV10343. São duas robustas pastas brancas com depoimentos, anexos, endereços e nomes dos envolvidos em um intricado caso jurídico. A história conjuga querelas entre advogados americanos e brasileiros, trocas de e-mails ríspidos, memorandos que levantam suspeitas sobre negociações, transações com somas estratosféricas, menções ao “jeitinho brasileiro” e uma coadjuvante de peso. No caso, a Petrobras – a então maior empresa brasileira, cuja reputação e patrimônio derreteram graças a uma combinação explosiva de decisões políticas equivocadas, corrupção engendrada e um contexto econômico internacional caótico.

MATÉRIA FECHADA PARA ASSINANTES
Para acessar, assine a piauí

Daniela Pinheiro

Daniela Pinheiro foi jornalista da piauí entre 2007 e 2017

Leia também

Últimas Mais Lidas

Sem máscara, no meio da fumaça

Entre o combate às queimadas e o resgate frustrado de um bicho-preguiça, a rotina de trabalho de um bombeiro na Amazônia em chamas

Foro de Teresina #69: O racha no bolsonarismo, as derrotas do Posto Ipiranga e a farra do fundo eleitoral

O podcast de política da piauí discute os principais fatos da semana

O patriotismo como negócio

Vendas da Semana do Brasil, criada para incentivar consumo apelando ao Sete de Setembro, ficam 40% abaixo do esperado pelo governo

Maria Vai Com as Outras #3: Quero ser mãe, não quero ser mãe

Uma editora e uma advogada e escritora falam sobre os desdobramentos na vida de uma mulher quando ela decide ter ou não ter filhos

Vítimas de Mariana cobram R$ 25 bi de mineradora BHP na Inglaterra

Juiz deve decidir em junho se vai julgar o processo, o maior em número de vítimas da história do Reino Unido

Passarinho vira radar de poluição

Pesquisadores usam sangue de pardais para medir estrago de fumaça de carros e caminhões em seres vivos

Foro de Teresina #68: Censura na Bienal, segredos da Lava Jato e um retrato da violência brasileira

O podcast de política da piauí discute os principais fatos da semana

Presos da Lava Jato unidos contra os ratos e o tédio

Condenados por crimes de colarinho-branco já caçaram roedores e fizeram faxina em complexo penal; transferidos para hospital penitenciário e sem ter o que fazer, gastam o tempo com dominó  

Mais textos
1

Que falta faz uma boa direita

Bolsonaro e o liberalismo no Brasil

3

O patriotismo como negócio

Vendas da Semana do Brasil, criada para incentivar consumo apelando ao Sete de Setembro, ficam 40% abaixo do esperado pelo governo

4

Vítimas de Mariana cobram R$ 25 bi de mineradora BHP na Inglaterra

Juiz deve decidir em junho se vai julgar o processo, o maior em número de vítimas da história do Reino Unido

5

A casa da memória

Mentir para tratar a demência

7

Sem máscara, no meio da fumaça

Entre o combate às queimadas e o resgate frustrado de um bicho-preguiça, a rotina de trabalho de um bombeiro na Amazônia em chamas

8

Foro de Teresina #69: O racha no bolsonarismo, as derrotas do Posto Ipiranga e a farra do fundo eleitoral

O podcast de política da piauí discute os principais fatos da semana

9

A metástase

O assassinato de Marielle Franco e o avanço das milícias no Rio

10

Bacurau – celebração da barbárie

Filme exalta de modo inquietante parceria entre povo desassistido e bandidos