renato terra

A seleção da elite branca

O primeiro escrete brasileiro faz 100 anos 

O vira-casaca

Minha chama revolucionária sucumbiu diante do hino a capela

Cinderela

Imprensa governista e mídia golpista reescrevem a fábula da princesa

O cineasta pernambucano

Cinema é ereção. É uma vontade, uma necessidade que emana das vísceras

O pit bull de passeata

Fiz uma versão maneiríssima da musiquinha “Eu sou baderneiro/ com muito orgulho/ com muito amor” com batida eletrônica

O tiozão do churrasco

Essa vida é uma chuleta

O eco-chic

No dia em que misturei granola com quinoa, saí no terraço de minha cobertura e vi a face de Tupã

Tagarela de cinema

Já sofri muito bullying. Não são só os gritos de “Silêncio” e os rompantes de “Cala a boca!”. Tem gente que levanta, lança um olhar de polícia e troca de lugar

O social da rede

Sou ator, cineasta, blogueiro e diretor de arte. Minha vida é um Facebook aberto

O neoerudito alegórico

Pessimista, reacionário e retórico, o intelectual mediático voltou a fumar cachimbo

Mais textos