vídeo

Aos mortos da pandemia

Artista Will Barcellos faz homenagem às vítimas da Covid na piauí_177

01jun2021_16h56
Loading the player...

Com o Brasil se aproximando da marca trágica de 500 mil mortos pela Covid-19, a piauí convidou o artista Will Barcellos para prestar uma homenagem às vítimas. Ele começou a trabalhar às 18 horas da segunda-feira, dia 17 de maio. Oito dias depois, havia desenhado 500 mil pontos formando um conjunto de nuvens que percorrem 76 páginas da revista. “Na correria de fazer os pontos, contar um por um e concluir tudo no prazo, acabei me desligando do principal. Só no último dia é que me bateu a percepção de que cada ponto é um morto”, diz Barcellos. “E aí tive uma catarse.”

Barcellos quis fazer também uma homenagem pessoal. Pediu que a piauí incluísse, entre os mortos mencionados nas nuvens da revista impressa, o nome de Arminda, avó de seu marido e a quem o próprio Barcellos chamava de vó. A homenagem está na nuvem que cobre as vítimas do mês de agosto de 2020. Nela, lê-se: “Arminda Fernandes da Silva, 86, gostava de marchinhas de Carnaval”. Ela morreu uma semana depois de seu aniversário.

No vídeo acima, o leitor pode assistir um pouco da criação minuciosa do artista.

Leia também

Últimas Mais Lidas

O padre, o filho e a pensão alimentícia

Justiça manda religioso pagar três salários mínimos mensais a ex-fiel que diz ter tido um romance e um filho com ele; o padre nega

Pela simplificação dos planos diretores

Legislação complicada e genérica precisa ser substituída por outra capaz de ser entendida pela população

O encalhe de Pantanal e Dona Beija

Acervo com mais de 25 mil fitas da Rede Manchete vai a leilão, mas não atrai nenhum comprador

Foro de Teresina #154: Boom, bola e bolso

O podcast de política da piauí discute os principais fatos da semana

Dias de alívio e de pranto

Vestibulanda relata angústia de ver sua avó, vacinada, se recuperar da Covid, enquanto um amigo chorava a morte do pai, sem vacina

Mais textos