=igualdades

Dois Apple Watch no Brasil compram cinco nos Estados Unidos

José Roberto de Toledo e Renata Buono
17maio2021_10h36

Com a desvalorização do real, produtos eletrônicos que já eram caros no Brasil estão batendo recorde de preço. Com o valor pago por dois Apple Watch 6 pelos brasileiros dá para comprar cinco nos Estados Unidos ou no Cazaquistão. Entre 77 países pesquisados pelo site GlobalProductPrices.com, o relógio da Apple só não custa mais caro no Brasil do que na Argentina. Em média, o gadget sai 80% mais caro em reais do que para os moradores dos demais países. 

Mas o relógio que mede pulsação e vira telefone não é o único eletrônico excepcionalmente custoso em reais. Um Playstation 5 é vendido no Brasil por preço 51% mais alto do que a média de 79 países pesquisados; um iPhone 12 custa um terço mais caro. As comparações foram feitas pelo preço da moeda local convertido em dólar norte-americano.

José Roberto de Toledo (siga @zerotoledo no Twitter)

Editor-executivo da piauí, foi repórter e colunista de política na Folha e no Estado de S. Paulo e presidente da Abraji

Renata Buono (siga @revistapiaui no Twitter)

Renata Buono é designer e diretora do estúdio BuonoDisegno

Leia também

Últimas

O padre, o filho e a pensão alimentícia

Justiça manda religioso pagar três salários mínimos mensais a ex-fiel que diz ter tido um romance e um filho com ele; o padre nega

Pela simplificação dos planos diretores

Legislação complicada e genérica precisa ser substituída por outra capaz de ser entendida pela população

O encalhe de Pantanal e Dona Beija

Acervo com mais de 25 mil fitas da Rede Manchete vai a leilão, mas não atrai nenhum comprador

Foro de Teresina #154: Boom, bola e bolso

O podcast de política da piauí discute os principais fatos da semana

Dias de alívio e de pranto

Vestibulanda relata angústia de ver sua avó, vacinada, se recuperar da Covid, enquanto um amigo chorava a morte do pai, sem vacina

Mais textos