diz aí, mestre

vultos da Copa

Da várzea à taça

Em série de vídeos da piauí, grandes jogadores recuperam histórias de seus mundiais e iluminam a maior paixão coletiva do Brasil

amor e ódio

Do inferno ao céu, de chuteiras

Os campeões mundiais Nilton Santos e Tostão e o técnico do time de 82 e 86, Telê Santana, investigam a relação do torcedor brasileiro com a sua seleção

os craques

O craque segundo Tostão

Uma das estrelas da Copa, o português Cristiano Ronaldo é um gênio ou um bom jogador? Tostão, titular da seleção do tri em 70, explica a diferença

Didi ensina a arte do meia-armador, aquele que Tite não tem

A definição de um meia-armador clássico pelo gênio do Botafogo e da seleção bicampeã mundial em 58 e 62

Garrincha treinava, mas não ouvia o professor

Nilton Santos, Zezé e Aymoré Moreira recuperam as histórias do mais habilidoso – e o que menos se levava a sério – ponta-direita que o Brasil já viu

Dario, o órfão, ex-ladrão e ex-grosso que virou Dadá

O campeão mundial em 70 relembra o seu começo no futebol, do primeiro chute aos 19 anos ao técnico que percebeu nele, apesar dos tropeções, um goleador

vultos da Copa

Fora de campo, o protagonista

Dois dos maiores técnicos do Brasil, Flávio Costa, da seleção de 50, e Telê Santana, de 82 e 86, explicam o papel do “professor” dentro e fora de um Mundial

os erros

45 anos de pena por um palpite errado

Titular da seleção de 50, Barbosa lembra o quanto custa o erro de um goleiro numa Copa do Mundo; De Gea é candidato a descobrir

momentos históricos

O jogo da virada

Didi, Joel e Bellini reconstituem a arrancada para o primeiro título mundial do Brasil

Outro 1 a 2 em Copa, 68 anos atrás

Zizinho, Barbosa, Nilton Santos e o técnico Flávio Costa reconstituem as horas seguintes ao Maracanaço, a tragédia do Mundial de 1950

a tensão

Bellini ensina a disfarçar o nervosismo em jogo de Copa

Zizinho, Nilton Santos, Telê Santana e o capitão de 58 medem a tonelagem da pressão sobre o jogador do Brasil em um Mundial

Jogador malandro e sem cabeleireiro

Zizinho, eleito o melhor do Mundial de 50, e Dadá Maravilha, da seleção de 70, relembram as manhas para infernizar a vida dos zagueiros numa Copa, sem precisar de laquê

a tristeza

Quando a Copa termina antes da hora

Nilton Santos e Zezé Moreira lembram a pancadaria na eliminação do Brasil em 54 e a desolação de deixar um Mundial no meio do caminho

Uma finta na idade

Zizinho e Ademir da Guia falam da dor de deixar os gramados e das artimanhas do craque para adiar o fim da carreira

Últimas

O encantador de polícias

Como Jair Bolsonaro se aproveitou do vácuo no debate sobre segurança pública para montar uma...

Ideólogo de Bolsonaro é denunciado por cientistas

Doze pesquisadores publicam artigo na revista Biological Conservation desmentindo teses de Evaristo de Miranda...

Minha vida não pode ter preço

Paciente de fibrose cística conta como um novo (e caríssimo) medicamento lhe trouxe de volta...

Bolsocanibalismo

Aliados de Bolsonaro, entre eles Queiroz, brigam pelo apoio do presidente na eleição e aprofundam...

Foro de Teresina #184: Quem ganha e quem perde na pandemia

O podcast de política da piauí discute os principais assuntos da semana

Atiçando as tropas

Ao prometer reajuste a policiais federais e recuar, Bolsonaro joga a responsabilidade para o Congresso...

O poder do cão

Contrapondo um cenário deslumbrante a uma realidade impiedosa, diretora neozelandesa constrói filme marcado por tensões...

Enfermeiros em falta, pacientes de sobra

Uma enfermeira de São Paulo conta sua rotina no novo pico da pandemia, que contaminou...

El Salvador, o farol bolsonarista

Como a autocracia do país centro-americano tem inspirado os filhos de Bolsonaro

Mais textos
Por um fio, de Vito Quintans

questões vultosas

Lula e “o melhor do PSDB”

Se há algo parecido com a terceira via, é isso aí

Fernando de Barros e Silva

questões do descalabro I

Fogo cruzado

Uma escola pública do Acre entre a pandemia, a pobreza e a facção

Luigi Mazza

questões do descalabro II

Os pequenos que se foram

Como o desmonte do Mais Médicos matou crianças brasileiras

Solano Nascimento

anais do campo

O agrobolsonarismo

O presidente cooptou uma parte relevante do agronegócio, mas está longe de ter apoio incondicional

Caio Pompeia

questões reprodutivas

Em nome da mãe

A saga da brasileira que deixou Roraima para fazer um aborto legal na Colômbia

Meg Weeks

quadrinhos

Três mulheres da Craco

Uma reportagem ilustrada

Carol Ito

relato pessoal

Eu me sinto invencível

A jornada do ator Marco Pigossi para assumir sua homossexualidade

Marco Pigossi

anais da tragédia

Quando a terra tremeu

Minutos antes e minutos depois do rompimento da barragem de Brumadinho

Daniela Arbex

questões artísticas

A mulher que forjou Van Gogh

A cunhada do pintor é finalmente reconhecida como a pessoa que abriu os olhos do mundo para sua genialidade

Russell Shorto
Edição Completa