Donald Trump promete construir muro para conter Ryan Lochte

19ago2016_16h39

IPIRANGA DO NORTE ─ Constrangido com o comportamento dos nadadores americanos, o candidato Donald Trump apresentou propostas enérgicas para que seu país não volte a causar constrangimentos no exterior. “Vamos construir um muro em volta de Ryan Lochte”, discursou. Em seguida, mandou realizar um exame de DNA no nadador. “Caso seja identificado algum gene mexicano nele, iremos extraditá-lo.”

Michael Phelps ressaltou a competitividade do conterrâneo. “Lochte viu que era impossível me superar nas piscinas. Então concentrou suas energias para provocar um escândalo maior do que aquele em que fui pego com maconha”, explicou o campeão.

No final da tarde, o prefeito Eduardo Paes anunciou as medidas que a cidade irá tomar em relação aos nadadores americanos. “Lochte deu balão na namorada, mentiu para a mãe, arrumou briga na noitada e ainda abriu a carteira quando o bicho pegou. Vamos conceder um título de carioca honorário a ele”, anunciou.

 

O outro lado

Num esforço de reportagem, o piauí Herald conseguiu entrevistar Ryan Lochte e apresenta, em primeira mão, a sua versão.

Abastecidos com caipirinhas aditivadas, Lochte e seus amigos saíram de uma festa na Casa Bahamas e pararam em um posto de gasolina a fim de capturar um raro Pokémon. “Tivemos que urinar no chão para atraí-lo. Quando o Pokémon saiu, infelizmente, ele quebrou todo o banheiro”, explicou o nadador.

O gerente do posto de gasolina ameaçou retaliar a delegação americana submetendo-a a narrações ininterruptas de Galvão Bueno. Lochte resistiu. Em represália, o gerente excedeu todos os limites internacionais da diplomacia. “Ele avisou que poderia nos colocar frente a frente com William Waack. Foi aí que nós ficamos aterrorizados”, contou o atleta.

Quando questionado sobre o fato de não ter comparecido aos treinamentos na manhã de hoje, Lochte justificou-se dizendo que seu cachorro comeu sua touca.

Arquivo
  • 2019
  • 2018
  • 2017
  • 2016
  • 2015
  • 2014
  • 2013
  • 2012
  • 2011
  • 2010
  • 2009
O The piauí Herald não é uma seção noticiosa, mas exclusivamente de humor, com sátiras da realidade política do Brasil.