Ancine vai financiar somente vídeos de corrente de Whatsapp

04dez2019_15h50
Questionado sobre a possibilidade de financiamento de vídeos para o Telegram o ministro afirmou: “Zero possibilidade. Esse é um app non grato no governo”
Questionado sobre a possibilidade de financiamento de vídeos para o Telegram o ministro afirmou: “Zero possibilidade. Esse é um app non grato no governo”
MANDA NO GRUPO – “Quem vai ao cinema hoje em dia? Ninguém! Só quem gosta das trevas das salas e do gosto de pecado da pipoca com manteiga!”, afirmou o ministro da cidadania, Osmar Terra, em coletiva de imprensa via áudio de Whatsapp. O evento foi organizado para esclarecer o motivo das retiradas de pôsteres de produções brasileiras dos corredores e do site da Agência Nacional de Cinema e serviu também para anunciar que a partir de agora a Ancine aportará dinheiro apenas em produções destinadas ao aplicativo de mensagens mais popular do país.
“Chega de Carlos Reichenbach, agora ouviremos Carluxo. Em vez de Nelson Pereira do Santos, daremos ouvidos a Nelson Barbudo, nosso querido deputado. Não queremos saber as opiniões de Glauber Rocha, queremos ouvir o que meu tio Glauber pensa sobre macroeconomia! Sai Josias Teófilo… não, perdão, Josias Teófilo fica”, disse Roberto Alvim, diretor da Funarte e convidado de honra da coletiva.
Entre os lançamentos previstos na nova diretriz da agência estão os títulos “Terra Plana Estrangeira”, “Bacarluxo”, “Dona Flor e Seus Dois Ministros”, “Central do Brasil Acima de Tudo”, “Deus e Deus na Terra do Sol”, “Meu Tio Matou Um Cara Mas Tem Excludente de Ilicitude”, “Os Trapalhões: Se Meu Vice Falasse” e “Até que a Sorte Nos Separe 4: Cadê o Queiroz?”.
Arquivo
  • 2020
  • 2019
  • 2018
  • 2017
  • 2016
  • 2015
  • 2014
  • 2013
  • 2012
  • 2011
  • 2010
  • 2009
O The piauí Herald não é uma seção noticiosa, mas exclusivamente de humor, com sátiras da realidade política do Brasil.