rádio piauí

Maria vai com as outras #2: Peso

Duas professoras falam sobre como perder ou ganhar muitos quilos afetou suas vidas dentro e fora do trabalho

11fev2019_05h00
As convidadas Gabriela Souza e Flávia Santos, pelo traço do ilustrador Caio Borges
As convidadas Gabriela Souza e Flávia Santos, pelo traço do ilustrador Caio Borges

Para Gabriela Souza, tradutora e professora de inglês, o sobrepeso parecia incomodar mais as outras pessoas do que ela mesma. Os quilos a mais só viraram uma questão quando ela torceu o tornozelo e ouviu dos médicos que a única solução possível era perder peso rapidamente. Ela se submeteu então a uma cirurgia bariátrica mas hoje, 40 quilos mais magra, ela diz ter mais limitações e problemas de saúde do que quando era gorda.

Ao entrar na adolescência, a pedagoga Flávia Santos começou a se incomodar com a maneira como seu corpo de mulher adulta chamava a atenção. Aos 14 anos, controlar o peso virou uma obsessão que a fez perder 22 quilos em quatro meses e ser internada para tratar uma anorexia e depressão.

Neste segundo episódio da nova temporada do Maria Vai Com as Outras, elas contam como essas transformações bruscas no corpo mudaram a maneira como se veem.

Bloco 1
Gabriela Souza chegou a pesar 110 quilos, e conta que a sua relação com o próprio corpo sempre oscilou, independentemente do sobrepeso. A cirurgia bariátrica, que reduziu o tamanho de seu estômago, teve consequências drásticas na sua saúde, decorrentes da absorção de nutrientes mas também na sua maneira de estar no mundo, nos relacionamentos profissionais e afetivos.

Bloco 2
A pedagoga Flávia Santos trabalha na biblioteca de uma escola particular no Rio de Janeiro, e convive diariamente com jovens
especialmente meninas com a mesma idade que ela tinha quando emagreceu subitamente e foi diagnosticada com anorexia. Depois de anos fazendo terapia, acredita que o gatilho para todo esse processo foi o assédio que passou a sofrer no começo da adolescência. A compulsão por exercícios físicos e dietas cada vez mais rigorosas arbitrou sobre amizades de juventude, relacionamentos afetivos, e o seu ingresso na vida profissional – até que a maternidade a libertasse pela primeira vez do desconforto com o próprio corpo.

Maria vai com as outras  tem um grupo de debate no Facebook. Clique aqui para participar. Estamos também no Twitter. Siga nosso perfil neste link.

O programa vai ao ar quinzenalmente às segundas-feiras pela manhã. Para ouvir a primeira temporada, acesse a página do podcast. O Maria também está disponível em tocadores como o Spotify Apple Podcasts.

*

Ficha técnica:
Apresentação: Branca Vianna
Direção: Paula Scarpin
Produção: Luiza Miguez e Mari Faria
Finalização e mixagem: João Jabace
Identidade visual: Cecilia Marra, Caio Borges e Paula Cardoso
Distribuição: Kellen Moraes e Luigi Mazza
Transcrição: Isabel Scorza
Gravado no estúdio Rastro.



mais rádio piauí

Últimas

Foro de Teresina #145: Com fome, com sufoco, com tudo

O podcast de política da piauí discute os principais fatos da semana

Foro de Teresina #144: Novos generais, velho truque

O podcast de política da piauí discute os principais fatos da semana

Luz no Fim da Quarentena: Variante sul-africana burla vacina

Estudo publicado e revisado demonstrou que eficácia do imunizante da AstraZeneca contra a cepa...

Foro de Teresina #143: Bolsonaro entre Lula, o Arenão e 300 mil mortos

O podcast de política da piauí discute os principais fatos da semana

Luz no Fim da Quarentena: Variante mortífera

Pesquisa com 110 mil pacientes de Covid-19 demonstra que B1.1.7, a variante inglesa, é...

Foro de Teresina #142: O Brasil pelo cano

O podcast de política da piauí discute os principais fatos da semana

Luz no fim da quarentena: Como combater a variante P1?

Os anticorpos de quem já teve Covid-19 combatem a variante P1 com a mesma...

Foro de Teresina #141: Lula entra em campo

O podcast de política da piauí discute os principais fatos da semana

Foro de Teresina #140: A variante Bolsonaro

O podcast de política da piauí discute os principais fatos da semana

Luz no Fim da Quarentena: A melhor vacina

A vacina da Pfizer tem aprovação definitiva da Anvisa e os melhores resultados em campanhas...

Mais textos