ficção

A vista particular

Dali em diante, ninguém jamais vai descobrir o que aconteceu nos quarenta minutos em que José de Arariboia, um artista plástico que apesar da idade já alcançara uma boa projeção crítica e com certeza um futuro promissor, ficou no morro Pavão-Pavãozinho

Ricardo Lísias 
ODYR_2016

CAPÍTULO 1

Em que conhecemos o artista plástico José de Arariboia e sua obra. Aparecem duas personagens coadjuvantes: a marchand Donatella e o traficante Biribó. Ficamos sabendo que Arariboia está mais distraído que o normal. Um incidente é anunciado, mas ocorrerá apenas no segundo capítulo, o que demonstra a ansiedade do narrador. Cai o dia na Cidade Maravilhosa.

MATÉRIA FECHADA PARA ASSINANTES

Ricardo Lísias 

Ricardo Lísias, escritor, é autor de Inquérito Policial: Família Tobias, da editora Lote 42 e A Vista Particular, pela editora Alfaguara

Leia também

Últimas

Queridos, encolhi o país

Brasil piorou em PIB, renda per capita, indicadores de saúde e educação

Passou a boiada e agora chama a polícia

Bolsonaro desmonta sistema de fiscalização ambiental e, pressionado por Biden, diz que Força Nacional vai combater desmatamento

A cada 15 minutos, um Henry pede socorro

Serviços de saúde atendem por ano quase 33 mil crianças de até 9 anos com sinais de violência física, sexual ou psicológica; em cada quatro agressões, três acontecem dentro de casa

Temas recorrentes, tragédias perenes

A Última Floresta documenta, com olhar antropológico, aldeia na terra Yanomami

É praia, é piscina, é viagem oficial!

As equipes precursoras de Bolsonaro aumentam o número de dias das viagens e aproveitam para fazer turismo às custas do dinheiro público

Sem clima pra boiada

Conferência de chefes de Estado quer metas concretas de redução do desmatamento ilegal; estratégia bolsonarista atropela acordos com Biden

Mais textos