diário da Dilma

Pode fechar o caixão e beijar a viúva

Estou há três dias com um emplastro Sabiá no ombro. Tudo por causa daquela foto do “É tóis”. Tive que repetir dez vezes até acertar a pose

Sonhei com o peixão do Van Persie. Mas era eu quem mergulhava e corria para os braços do Moreno
Sonhei com o peixão do Van Persie. Mas era eu quem mergulhava e corria para os braços do Moreno ILUSTRAÇÃO: CACO GALHARDO_2014

1º DE JULHO_Aécio Neves e Aloysio Nunes. Serra e Indio da Costa eram uma dupla mais divertida.

Depois da cerimônia de comemoração dos 500 mil barris diários do pré-sal, eu e a Gracinha saímos de fininho e entornamos dois barris de chope na Cinelândia. Somos da pá-virada, mano. #vidaloka.

2 DE JULHO_Mandei o Aldo dar o recado para o Felipão: não quero ver choro em campo. Se alguém ameaçar, é olhar feio e dizer “Engole!”. Aqui no Planalto não falha. Se não resolver, cascudo no intervalo. Só choro quando ouço aquela música do Taiguara, “É teu corpo amante, amigo, em minhas mãos…”. Assim mesmo depois de uma noitada de caipirinhas de maracujá.

Me mandaram até Vila Velha para entregar 496 unidades habitacionais do Minha Casa Minha Vida. Só em época de eleição a gente lembra que o Espírito Santo existe. Com a minha vida ninguém se preocupa.

3 DE JULHO_Ave, creme! Me livrei do Joaquim Barbosa. Mandei mamãe acender três velas na capela do Alvorada. Hoje vou rezar em latim. Libera nos, Domine!

Não sabia que a Jequiti revendia a Colônia Desodorante Feminina Adriane Galisteu. Mandei comprar uma dúzia.

4 DE JULHO_Brasil e Colômbia daqui a pouco, ninguém quer saber do batente. Pra mim esse jogo não tem a menor graça. Felipão pode escalar quem quiser: Paulinho, Fernandinho, Neymarzinho: ninguém supre a ausência do Luiz Gustavo. Aquele bigodinho bate um bolão. Achei muito injusto o cartão amarelo contra o Chile.

5 DE JULHO_Ando tão assoberbada com inaugurações de obras pelo país que resolvi dar uma incerta no meu gabinete. Não deu outra. Tinha mais espécimes do PMDB do que argentinos em Copacabana. Botei pra correr.

6 DE JULHO_“Cem homens podem formar um acampamento, mas é preciso uma mulher para se fazer um lar.” Sugeri esse provérbio chinês para o Franklin Martins colocar naqueles blogs dele.

Dei uma olhada nas notícias e vi que a Charlize Theron está com o Sean Penn… Que coisa selvagem! Parece que ela é burra, já disse que a capital da Turquia era Budapeste.

7 DE JULHO_Mandei uma junta de médicos cubanos para tratar essa vértebra do Neymar. Se der certo, estoy reelecta.

8 DE JULHO_Preparação a todo vapor para ver Brasil e Alemanha aqui em casa. É a volta do Luiz Gustavo! Mandei enfeitar o Nego com as cores da bandeira. Mamãe achou um pouco over. Ideli telefonou logo cedo, disse que vai trazer um cuscuz de quinoa e uma torta de alho-poró orgânico. Na dúvida, encomendei um sanduíche a metro e falei pra caprichar na batida. Que horas mesmo começa esse jogo?

Que que é isso!??? Onde foi que esses loirinhos aprenderam a fazer gol desse jeito??? Alguém pode me explicar??? No quatro a zero liguei para o Mercadante, a voz dele sumiu dentro do bigode. Já vi que vai sobrar pra mim! Nessas horas é que um homem faz falta.

9 DE JULHO_Misturei batida de kiwi com Amarula. Acordei numa ressaca braba. Quando dei por mim, estava no gabinete diante de um tal Arthur Chioro. Jesus do céu, será que me deram um Boa Noite, Cinderela? O garçom logo me disse que o homem era ministro da Saúde. Ufa!

Como assim, apagão? Será que o Felipão mandou uma indireta pra mim? A Gracinha diz que estou paranoica.

10 DE JULHO_Estou há três dias com um emplastro Sabiá no ombro. Tudo por causa da foto do “É tóis”. Tive que repetir dez vezes até acertar a pose. Deu nisso.

11 DE JULHO_Recebi aquela menina Lo Prete, da GloboNews, aqui na biblioteca. Que pele boa, fiquei boba, mas mantive a pose. O Thomas Trau… – não gosto nem de falar o sobrenome dele – veio me dizer que foi ela quem fez a entrevista do mensalão com o Roberto Jefferson. Virei meu bracelete de olho grego na direção dela. Quem não deve não teme.

12 DE JULHO_Levamos só três da Holanda, ufa! E que elegância do Van Persie na hora de bater o pênalti. Isso, sim, é centroavante. Já vi o gol que ele fez de peixão contra a Espanha umas duzentas vezes.

Estou pensando em convidar o Felipão pro Ministério da Pesca.

13 DE JULHO_Vi a final ao lado da Merkel, e no ti-ti-ti recomendei a Colônia Desodorante Feminina Adriane Galisteu. Ela a-m-o-u.

Na hora de entregar a taça, fiz uma associação mnemônica involuntária: será que entregarei também a faixa presidencial? Fechei o semblante e passei logo aquela batata quente.

14 DE JULHO_Vesti vermelho para receber o Putin. Passei a manhã tentando convencer o homem a anexar São Paulo. Pelo menos até o final das eleições.

Que luxo essa novela O Rebu. Parece coisa de Primeiro Mundo. Era o afago que faltava para lubrificar a autoestima do brasileiro.

15 DE JULHO_A gente traz Copa, Olimpíadas, Jornada Mundial da Juventude e a imprensa reclama que a sede do banco dos Brics ficou com a China. Que falta de assunto, meus filhos!

Coisa mais jeca esse pessoal criticando a Sandy por ter feito cesariana. E ainda enaltecem a Wanessa Camargo por ter tido parto normal. No meu governo, cada mulher tem o direito de parir como bem entender.

16 DE JULHO_Ou recorro a mais drenagem linfática ou então só me resta usar meia preta. Meu pé parece um pãozinho nas fotos.

17 DE JULHO_Temos de encarar os grandes problemas como banhos frios: entrar e sair rapidamente. Descobri que o presidente da China se chama Xi Jinping. Vou ter que prender o riso e falar o mínimo possível.

18 DE JULHO_Acabou a Copa e o chato do Lula voltou a me importunar. Quer que eu libere a Granja do Torto para ele jogar uma pelada. Só se ele levar o Van Persie. O Moreno que me perdoe.

19 DE JULHO_Garotinho, Crivella, Pezão e Lindberg disputando meu apoio no Rio. Preferia abraçar os Quatro Cavaleiros do Apocalipse. Voltei a tomar antidepressivo.

20 DE JULHO_Ainda bem que acabou esse carma chamado Em Família. Falei para o João Roberto: essa novela estava minando o otimismo da nova classe C.

21 DE JULHO_Fiquei morrendo de inveja desse aeroporto do Aécio. Como é que o Lula não pensou em fazer um igual aqui atrás do Alvorada?

Se disser o que eu penso sobre a prisão dos manifestantes no Rio, eu perco a eleição. Pode fechar o caixão e beijar a viúva.

22 DE JULHO_Gilbertinho acaba de me dizer que puseram o Dunga para dirigir a Seleção. Depois o povo reclama que sou muito centralizadora. Dei autonomia para a CBF e terminou nisso.

24 DE JULHO_Viramos o capacho do mundo depois desse 7 x 1. Só pode. Primeiro, vem aquele inglesinho serelepe do Jamie Oliver criticar o nosso brigadeiro. Agora, Israel me aparece com essa de “anão diplomático”. O Amorim tomou as dores. Mandei ele segurar as tropas na Defesa até segunda ordem.

25 DE JULHO_Autorizei o Itamaraty a enviar meu recado final a Israel: “As grandes essências estão nos pequenos frascos.”

28 DE JULHO_Para perguntas diretas, respostas genéricas; para perguntas genéricas, respostas diretas. Menina, adorei essa dica do João Santana. Repeti cem vezes antes de dormir. Não é que funcionou que foi uma beleza na sabatina da Folha e do UOL. Segurei o zero a zero no tempo regulamentar e papei eles todos nos pênaltis. Vai que é tua, presidenta!

Aquele cavanhaque grisalho do Josias quase me tirou do sério. Parecia o Amigo da Onça. Vou sugerir ao Franklin. Só faltou mesmo uma alma feminina. Foi uma gafe diplomática isso de só colocarem jornalistos pra me entrevistar.

Leia também

Últimas Mais Lidas

Maria Vai Com as Outras #5: Crime e castigo contra a mulher

Uma socióloga e uma defensora pública falam dos efeitos que a violência tem na vida profissional das mulheres

Mitificação de Eduardo, demonização da esquerda

Em evento bolsonarista, filho do presidente e ministros apresentam rivais como mal radical, em sintoma da deterioração democrática no país

Moro em queda livre

Ministro e seu pacote anticrime perdem espaço no governo, no TCU e no Twitter

Foro de Teresina #72: Bolsonaro contra o PSL, o governo contra a imprensa, e o Sínodo pela Amazônia

O podcast de política da piauí comenta os principais fatos da semana

Entre a cruz e a motosserra

Na Amazônia profunda, missionária católica enfrenta a falta de padres, os pastores evangélicos e o desmatamento, enquanto papa faz Sínodo sobre a região

O retorno da audácia à Nicarágua

Estudante que desafiou Daniel Ortega volta do autoexílio para retomar resistência ao regime

Frans Krajcberg – dignidade e revolta

Documentário faz reviver inconformismo do artista diante da destruição ambiental brasileira 

Extra: Foro de Teresina especial no Festival Piauí de Jornalismo

Programa gravado ao vivo em São Paulo já está disponível

Mais textos