poesia

Nenhum mistério

Paulo Henriques Britto
CREDITO_SAMSON FLEXOR_1960_COLEÇÃO MUSEU DE ARTE CONTEMPORÂNEA DA USP

DA IMORTALIDADE

A música secreta destes dias

não vai se revelar senão no tempo

em que a sua melodia

já não traga a ninguém nenhum alento.

 

Nesse dia, por ora ainda distante,

de silente e tardio entendimento,

o que era só ruído antes

se deixará gravar, com traço lento

 

e firme, numa bela partitura

a ser lida por vocês,

de geração ainda mais futura,

que abrirem a pasta ax293.

 

DA OPORTUNIDADE

Não era a hora – nunca é hora –

mas o que se há de fazer.

Todo momento é sempre agora

(antes de se derreter).

 

E foi assim que, não obstante

a hora fosse inadequada,

foi nesse preciso instante

que não aconteceu nada.

 

O que implicou uma sucessão

de inconsequentes consequências.

(Não terá sido, pois, em vão

tão oportuna inexistência.)

 

DOS NOMES

Os nomes se enchem aos poucos.

Um dia eles perdem o estofo,

aos poucos, ou então de repente.

Então ficam ocos.

 

O mundo está sempre se enchendo

de cascos vazios desse tipo.

Inúteis. No entanto, assim mesmo

continuam sendo,

 

ocupando tempo e lugar,

iludindo quem os assume,

prestando falso testemunho

do que já não há.

 

E o mundo se presta a essa farsa.

É como se já não bastassem

as coisas e os nomes de coisas

que as coisas disfarçam.

 

E há quem (imagine!) ache pouco,

e abrace esses nomes sem estofo

e diga e rediga esses ocos

feito louco.

 

DO SUBLIME

A consciência toda exulta,

e não é pra menos:

é chegada a hora absoluta,

o rei dos momentos.

 

Todo o tempo ela preparou-se

pra esse instante excelso,

com infinitos alvoroços

e risíveis excessos,

 

antegozando o inteiro espectro

de fatais consequências,

abrindo alas pra todo um séquito

de obscuras contingências.

 

Tão ansiosamente aguardado,

o instante enfim resulta

num objeto desengonçado,

espécie de catapulta

 

de utilidade pouco clara.

Um gesto temerário

instala a esplêndida almanjarra

no fundo do armário.


Os poemas integram o livro Nenhum Mistério, a ser publicado em agosto pela Companhia das Letras.

Paulo Henriques Britto

Paulo Henriques Britto é escritor e tradutor. Seu livro de poesia mais recente é Formas do Nada, lançado pela Companhia das Letras

Leia também

Últimas Mais Lidas

Foro de Teresina especial: aguarde

O programa, que contou com a participação da jornalista Maria Cristina Fernandes, foi gravado ao vivo durante o evento que reuniu os melhores podcasters do país

Entre gargalhadas, cotidiano e estratégia: os podcasts de humor

Linguagem politicamente incorreta e medo da repetição estão entre as preocupações dos realizadores 

Em podcasts jornalísticos, muito planejamento e pouco improviso

Produção diversificada e roteiro bem construído ajudam a resumir informação e análise

Um podcast pra chamar de seu: os temas de cada tribo

Futebol, feminismo e história motivam conteúdos produzidos para grupos específicos; para realizadores, nem todo patrocínio é bom

Podcast, um novo modelo de negócio

Mesa de abertura da segunda edição do evento discutiu estratégias de financiamento 

Acompanhe a transmissão ao vivo da segunda Maratona Piauí CBN de Podcast

Encontro está sendo transmitido em áudio e em vídeo nos sites e redes sociais da piauí e da CBN

Sem saúde nem plano

Por que os planos de saúde privados se tornam inviáveis a partir dos 60 anos e como algumas operadoras conseguem cobrar menos

Foro de Teresina #64: A fritura de Moro, a expulsão de Frota e o acordo de Itaipu

O podcast de política da piauí discute os principais fatos da semana

Acordo de WhatsApp para manter Frota no PSL não resiste a canetada de Bolsonaro

Bancada selou em grupo de aplicativo permanência do deputado, que acabou expulso depois de criticar Eduardo; outros parlamentares devem ser enquadrados

O direito ao cinema

Reflexões de Antonio Candido sobre literatura podem ser adaptadas ao cinema, uma aventura equivalente

Mais textos
1

A vovó fashion

Uma influencer e seus looks ousados

2

A imprevidência chilena

Elogiado por Bolsonaro e Guedes, regime de capitalização implantado no Chile tem aposentadoria média inferior ao salário mínimo

3

Acordo de WhatsApp para manter Frota no PSL não resiste a canetada de Bolsonaro

Bancada selou em grupo de aplicativo permanência do deputado, que acabou expulso depois de criticar Eduardo; outros parlamentares devem ser enquadrados

4

Por que João Gilberto é João Gilberto

Diretor artístico da Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo comenta, ao violão, legado do inventor da bossa nova; veja os vídeos

6

Sem saúde nem plano

Por que os planos de saúde privados se tornam inviáveis a partir dos 60 anos e como algumas operadoras conseguem cobrar menos

7

Foro de Teresina #64: A fritura de Moro, a expulsão de Frota e o acordo de Itaipu

O podcast de política da piauí discute os principais fatos da semana

8

Um novo epílogo para Eike Batista

Investigação que levou empresário de volta à cadeia mostra como ele enganou investidores e manipulou preço das ações

9

Operação zangão

O combate ao furto de abelhas no interior de Minas Gerais

10

Congresso abana o fogo entre Moro e Bolsonaro

Deputados comemoram desgaste do ministro da Justiça com Bolsonaro, impõem derrotas ao pacote anticrime e mostram descontentamento com o ex-juiz símbolo da Lava Jato