minha conta a revista fazer logout faça seu login assinaturas a revista
piauí jogos
cartas

cartas_ecos do mês do cachorro louco

| Edição 24, Setembro 2008

A+ A- A

ROTINA DE 15 MIL BRAÇADAS

Conheci e me tornei fã de Cesar Cielo Filho pelas páginas de piauí (piauí_21, junho 2008). A revista não exagerou em absolutamente nada ao traçar o perfil desse bravo garoto.

ELCIO SIQUEIRA_CARAPICUÍBA/SP

HIPÓTESE COMUNISTA

Hilariante o texto “A hipótese comunista deve ser abandonada?” (piauí_23, agosto 2008). O Alain Badiou também escreveu a crítica-sátira do CD do Justus?

JEAN-PHILIP_CURITIBA/PR

FIGURAS DA ARQUITETURA

Com relação à matéria publicada, sem minha participação, com o título “Neopassadista neoclássico” (piauí_23, agosto 2008), enfocando atividades da minha vida e de meus familiares, nas áreas profissional, pessoal e até domética, quero expressar minha indignação pelo tom de bisbilhotice que definitivamente não é condizente com o elevado padrão de qualidade dos textos da piauí. Matéria sob encomenda induzem os leitores a formar uma imagem depreciativa da conduta do retratado e de seus familiares, o que, no mínimo, é inaceitável.

JULIO NEVES_SÃO PAULO/SP

PANTAGRUEL E OS KIRCHNER

Gostaria de parabenizar Daniela Pinheiro pelo artigo esclarecedor sobre nossos tragicômicos vizinhos (piauí_22, julho 2008). Percebe-se, pelas relações caricaturais, que a companheira é assaz admiradora de Rabelais e Victor Hugo.

DIOGO CARVALHO_BRASÍLIA/DF

PIAUÍ HERALD

Não canso de recomendar piauí. Até participei de um ou dois concursos de contos, apesar de não ter sido compreendido por jornalistas modernos. Dessa vez, vocês superaram minhas melhores expectativas. A regra da new order em comportamento é simplismente um bláaaa (piauí_22, julho 2008). Fico orgulhoso que um parente dos Botton’s saiba tanto.

NELSON BOTTON_SÃO PAULO/SP)

O PAPARAZZO NOSSO DE CADA DIA

Sabemos que esses fotógrafos invadem a privacidade das celebridades com fotos comprometedoras, mas é perceptível que o trabalho deles é duro e cansativo como muitos outros (piauí_23, agosto 2008). É vergonhoso quando alguma celebridade ataca os fotógrafos, alegando querer privacidade. Afinal, se não fosse or eles, como essas pessoas estariam em alta na mídia? Nesse meio pode até haver processos, brigas e inclusive altíssimas indenizações, mas a verade é clara: um não vive sem o outro!

LUELYN SILVA OLIVEIRA_CURITIBA/PR

AMASSADOS

Gostaria de me queixar que, ao tentar ler a revista piauí no pequeno espaço reservado à classe econômica num vôo nacional, a avantajada revista chegou tão amarrotada quanto seu pobre proprietário. Seria o caso de pedir às empresas aéreas que não nos privassem (nós, os trabalhadores) de ler a revista a bordo e fornecessem mais espaços!

DARLAN MOREIRA_CEARÁ-MIRIM/RN

VERMELHOU

Nos contatos com as primeiras edições, a maior semelhança era o formato. Mas nas últimas, culminando na de agosto, piauí está cada vez mais Caros Amigos. Era só o que faltava: mais uma publicação esquerdista mascarada de imparcial. Grande maravilha.

VICENTE PESSÔA_BELO HORIZONTE/MG

VAI QUE DÁ ZEBRA ETC.

Algumas considerações sobre a seção esquina “Vai que dá zebra” (piauí_23, agosto 2008):
O que pode significar neopentecostalismo? (Intrigante…)
O sr. Felisbelo da Silva encontrou o caminho das pedras, para conservar a pureza de estilo, ao declarar que lê pouco para ser original. Fantástico.
Mais uma frase perfeita para os tempos atuais – a ser guardada com carinho – do ensaio de Marcos Caetano: “Pensando bem, as montanhas. Só nos restam as montanhas.” Gostaria de acrescentar o conselho de H. Bustos Domecq:
“…Vai pela sombra.”

YOLA AZEVEDO_SÃO JOÃO DA BOA VISTA/SP