diário da Dilma

Quem nasceu pra carapanã nunca será mangangá

Tirei a balança do banheiro. Como diz minha mãe, “está no inferno, abraça o capeta”

Mal comprei minha <i>bike</i> e o Temer já veio: “Não esqueça da minha Caloi.” É duro ser sustentável
Mal comprei minha bike e o Temer já veio: “Não esqueça da minha Caloi.” É duro ser sustentável ILUSTRAÇÃO: CACO GALHARDO_2014

1º DE SETEMBRO_Marina voltou atrás e alterou o plano de governo. Para comemorar, mamãe e eu trançamos os braços e dançamos aquele vira do Roberto Leal: Não sei se vou ou se fico, não sei se fico ou se vou.

2 DE SETEMBRO_Vá Belddad, maltrate a oposição! Encha São Paulo de carisma, amor e ciclofaixas! Para dar apoio moral, agora só vou trabalhar de bike.

Gente, cancelei minha participação no Jornal da Globo. Com aquela cara de milionário de novela da Telemundo, o William Waack me dá um medo que só.

3 DE SETEMBRO_Pedi pra mamãe colocar rodinhas na minha BMX Arco-Íris. Quase levei um tombo.

4 DE SETEMBRO_Recebi aquele menino que ganhou a tal medalha de matemática. Aproveitei a ocasião para pedir que ele me explicasse as contas do Guido. O rapaz teve que usar lápis, papel, quadro-negro, ábaco, máquina de calcular, o diabo. No fim, chorou. Ideli, que se meteu na reunião sabe-se lá como, ficou toda serelepe e o convidou para afogar as mágoas com Drambuie lá na casa dela. Passei-lhe uma carraspana.

5 DE SETEMBRO_Fui ao Rio Grande do Sul especialmente para o desfile dos campeões da 37ª Exposição Internacional de Animais, Máquinas, Implementos e Produtos Agropecuários. Trouxe um pintinho de presente para o Gabrielzinho.

Mamãe colocou uma cestinha com lanche na minha bike. País rico é país proativo.

7 DE SETEMBRO_Tirei a balança do banheiro. Como diz minha mãe, “está no inferno, abraça o capeta”. Depois que bati aquele pratão no restaurante popular do Garotinho, vale tudo. Regime, só depois do segundo turno.

8 DE SETEMBRO_O pior dessa história toda de Pasadena é que o Moreno sumiu. O celular dele só dá fora de área. Será que ele acha que estou zangada por causa dos malfeitos da Petrobras? Tolinho! O que os olhos não veem o coração não sente. Vira e mexe me pego com aquela música na cabeça: Aonde está você?/ Me telefona./ Me chama, me chama, me chamaaa… Cruzes, que desvio ideológico! A música é do outro Lobão, que virou casaca. Se cantarolo perto do Franklin, tô morta!

9 DE SETEMBRO_Esse Aécio resolveu agora processar tuiteiros. Tatu educado cava o próprio buraco. Mandei um recado: o Ciência sem Fronteiras tem vagas abertas para Harvard.

10 DE SETEMBRO_Santo Coração Amado de Jesus Menino! Passarinho me contou que George Clooney fará uma ponta em Downton Abbey. Preciso deixar a Abin de prontidão para me conseguir uma cópia pirata assim que sair. Da última vez que esperei para assistir na ordem, veio um jornalista do Estadão me dizer que o Matthew morre no final da terceira temporada. Era público e notório que eu ainda estava no meio da segunda. A vileza da mídia burguesa não tem limites.

11 DE SETEMBRO_Tem uma coisa que eu não consigo entender: o Geraldo Alckmin. Tem cara de tabelião, voz de padre, cheiro de freira, se veste como gerente de agência premium, é expressivo como um amendoim e vai levar no primeiro turno. Que inveja desse homem. Imagina se chovesse em São Paulo!

12 DE SETEMBRO_Visitei a Maré com o Pezão. Puxei o homem prum beco, coloquei o dedo indicador na testa dele e tasquei: “Onde está o teu Aezão agora?” Ele ficou branco.

Ando cansada dessas entrevistas em que ninguém me deixa falar. Fica um duelo desgastante e passo por antipática. Tanto assim que, durante a sabatina do Globo, fui forçada a tascar no Noblat um “Gente, a sabatina é de quem?”. Ficou tudo dominado. Quando o microfone falhou, soltei na lata que aquilo era “apagão da Globo”. Wit, teu nome é Rousseff.

15 DE SETEMBRO_Nossa, fui pega totalmente de surpresa! A Abin não me informou que a Patrícia Poeta vai sair do Jornal Nacional! E a bonitona do Fantástico vai pro lugar dela! Quer dizer então que os irmãos Marinho podem fazer e acontecer como se o país fosse deles? Regulamentação da mídia, aqui vou eu.

16 DE SETEMBRO_Que ideia brilhante essa do João Santana de criar o boneco Pessimildo. Agora é torcer para que a oposição não venha com o Fisiologildo.

17 DE SETEMBRO_Tive um rompante marqueteiro de deixar o Santana verde de inveja. Para sublinhar que não mexerei nos direitos trabalhistas empreguei a expressão “nem que a vaca tussa”. A imprensa deu um destaque enorme. Anotei num papel outras expressões com a palavra “vaca”. Por exemplo: a vaca foi pro brejo. Usarei quando quiser causar.

18 DE SETEMBRO_Desisti de entender o plebiscito na Escócia. Esse ministro das Relações Exteriores cujo nome sempre me escapa ainda tentou me explicar como funciona o Reino Unido. Achei confuso.

19 DE SETEMBRO_Chegou até mim o tal vídeo em que Marina se autoproclama carapanã e me chama de mangangá. Impressão minha ou ela insinuou que estou acima do peso? Pois ela que espere. O povo brasileiro não gosta de gente magricela. É uma coisa subconsciente, sabe? Eu represento a fartura.

20 DE SETEMBRO_Lula ligou com uma piada nova: Eike Batista é denunciado pela terceira vez e pede música no Fantástico. Passei para o Thomas Traumann.

Mamãe ficou brava: mandou que eu parasse de andar de bicicleta em casa.

21 DE SETEMBRO_Não pago aluguel, não pago comida, não gasto com carro, trabalho que nem burro de carga, ganho honestamente meu salário, e agora vem o pessoal criticar meu sapato Louis Vuitton? Por quê? Não posso? Só falta o João me obrigar a sair por aí calçando sapatos de Franca. Se chegar a isso, desisto de tudo e vou morar como exilada política dentro da Bloomingdale’s.

23 DE SETEMBRO_Ando apaixonada pelo John Oliver. Uma pena não ter um humorista afiado assim no Brasil. Gregorio Duvivier e Rodrigo Constantino são engraçados, mas não chegam aos pés.

24 DE SETEMBRO_Não estou acreditando! Mandei o consulado de Nova York colocar alguém na fila para me comprar um iPhone 6. O coitado dormiu na fila, estapeou uns dez, mas saiu com o dito-cujo. E não é que a geringonça entortou? Depois que o Steve Jobs morreu a Apple nunca mais foi a mesma, que ódio! Parece até o IBGE.

Pelo menos fiz um 2 em 1 e usei essa xaropada de discurso na ONU para gravar a propaganda eleitoral. Quem não gostou que vá reclamar com o bispo. Eu lá estou com cabeça para pensar em discurso numa hora dessas? Vou te contar, tem cada uma que são duas.

25 DE SETEMBRO_É entrevista no Jornal Nacional, Bom Dia Brasil, Jornal da Record, sabatina pra lá, coletiva pra cá. Pro Saia Justa, que é bom, ninguém convida. Depois reclamam que sou sisuda.

Estava zapeando e dei com A Fazenda. O Aécio já fez aeroporto lá também?

26 DE SETEMBRO_Repeti tantas vezes que demos autonomia para a Polícia Federal que os caras acreditaram. Foram atrás logo do Lobinho.

Saiu o Datafolha e abri treze pontos. Mandei um recado, via sinais de fumaça, para a Marina: Quem nasceu pra carapanã nunca será mangangá. Vou votar no Eduardo Jorge só pra tirar onda.

27 DE SETEMBRO_Minha prima voltou de Paris e me trouxe um gloss nude sensacional do Saint Laurent. Último lançamento. Adoro gloss, mas a Marta Suplicy, que sabe de tudo, me disse que estava out. Voltou. Moda é tão cíclica…

30 DE SETEMBRO_Nova pesquisa. A Madre Teresa do Seringal está caindo mais do que a bolsa. John Lennon que me perdoe, mas acho que a sonhática acabou.

Leia também

Últimas Mais Lidas

Vazamento de óleo avança, plano de controle patina

Manchas se aproximam dos corais de Abrolhos; governo federal segue sem explicar por que não acionou programa criado em 2013 para conter derrames de petróleo

Ascensão e queda de um ex-Van Gogh

Tela do Masp atribuída ao pintor holandês tem autoria revista e inspira debate sobre valor artístico

Um bicheiro no centro do poder

A rede de assassinatos, amizades e dinheiro que cerca Jamil Name no Mato Grosso do Sul

Seis conclusões sobre o modelo do mundo sem a Amazônia 

O preço que o Brasil e o mundo pagarão caso a floresta continue a ser derrubada para dar lugar à pecuária

O mundo sem a Amazônia

Modelo climático prevê efeitos da conversão da floresta em pasto: diminuição de 25% das chuvas no Brasil e aumento da temperatura, com prejuízo "catastrófico" para agricultura e produção de energia

Foro de Teresina #73: Autofagia no governo, crise na oposição e o óleo nas praias do Nordeste

O podcast de política da piauí discute os principais fatos da semana

Domingo – um dia especial

Filme paga preço alto ao ser lançado agora, quando expectativa de “nova era” se mostrou ilusória

O novo Posto Ipiranga

Ex-capitão do Exército transformado em ministro da Infraestrutura cresce no Twitter e na agenda positiva do governo Bolsonaro 

Brasil mais longe da Europa

“Efeito Bolsonaro” afasta turistas europeus e prejudica negócios

Mais textos
1

Brasil mais longe da Europa

“Efeito Bolsonaro” afasta turistas europeus e prejudica negócios

2

Fala grossa e salto fino

As façanhas de Joice Hasselmann, do rádio ao Congresso

3

Um bicheiro no centro do poder

A rede de assassinatos, amizades e dinheiro que cerca Jamil Name no Mato Grosso do Sul

4

O mundo sem a Amazônia

Modelo climático prevê efeitos da conversão da floresta em pasto: diminuição de 25% das chuvas no Brasil e aumento da temperatura, com prejuízo "catastrófico" para agricultura e produção de energia

5

O novo Posto Ipiranga

Ex-capitão do Exército transformado em ministro da Infraestrutura cresce no Twitter e na agenda positiva do governo Bolsonaro 

7

Mitificação de Eduardo, demonização da esquerda

Em evento bolsonarista, filho do presidente e ministros apresentam rivais como mal radical, em sintoma da deterioração democrática no país

10

Letra preta

Os negros na imprensa brasileira