minha conta a revista fazer logout faça seu login assinaturas a revista
piauí jogos

    Meu Santo Expedito! Até hoje eu não consigo entender essa contabilidade criativa do Guido ILUSTRAÇÃO: CACO GALHARDO_2014

diário da Dilma

Seu Inácio tinha uma fazenda, ia-ia-ô

Sonhei que tinha indicado o Arno Augustin para a Fazenda. Dilminha, seu nome é coerência

| Edição 99, Dezembro 2014

A+ A- A

1º DE NOVEMBRO_Ai, como eu fico à la volonté nessa base de Aratu. Acordei cantando “Eu sonhei que tu estavas tão linda” e fui tomar café da manhã, alegre e faceira, toda besuntada de Leite de Rosas. Eis que me deparo com Lula sentado na cabeceira. E ainda teve o desplante de me tirar o bacon e o pão de queijo. Disse que a partir de agora “só fruta, granola e queijo branco”. Estou achando que nesse segundo mandato o homem vai ser mais controlador que mãe judia. O pior é que mamãe e titia adoram as piadas dele. Socorro!

2 DE NOVEMBRO_Passei a manhã catando joaninha na areia da praia. Uma terapia. À noite, entornei uma branquinha pra abrir o apetite, mandei uma caldeirada de siri-mole com cerveja. Arrematei com uma cocada de fita. Dormi pesado. Sonhei com a recontagem dos votos e o Laércio rindo da minha cara. Será que foi pesadelo?

3 DE NOVEMBRO_De volta ao batente com reunião às oito da matina com o Mercadante. Cada país tem o Tom Selleck que merece. Ele veio me dizer que a situação do Lobão é insustentável. Sei não, mas acho que tem alguém com ciúme do Moreno, meu Clark Gable do Maranhão.

Já deixei claro que o Mantega vai passar o bastão. Mas ele é incapaz de aprontar um relatório com os números da Fazenda. Será que é verdade que a meta fiscal foi pro brejo? Sou tão controlada nas minhas contas, não posso imaginar o que aconteceu… Tive que ameaçá-lo. Olhei bem naqueles olhos que nada dizem e sussurrei, sem piedade: “Quero esses números até semana que vem, senão vou te obrigar a assistir Encontro com Fátima Bernardes todas as manhãs.” Não sei se ele entendeu.

4 DE NOVEMBRO_No começo, eu achei folclórico e dei risada junto com o Rui Falcão. Mas essa pauliceia desvairada pró-ditadura tá começando a perder a graça. Vou lançar uma Bolsa Botox para acalmar esse povo.

5 DE NOVEMBRO_Aquele Aécio tá montando uma oposição tão qualificada que disse para os assessores fazerem Enem. Já mandei investigar se houve vazamento da prova. Guerra é guerra!

Marquei de receber as lideranças do PSD. Meu gabinete ficou pequeno. Vieram umas 900 pessoas. Pro cafezinho eu dei um jeito, cargo é que vai ser dureza!

E sabe quem me ligou hoje? O Zé Dirceu, livrinho da silva! Me convidou para jantar na casa dele. Quer dar uns conselhos sobre a Petrobras, abusado.

6 DE NOVEMBRO_Gente, em pleno século XXI ainda tem jornalista que vem me cobrar por coisas que eu disse na campanha. É claro que tem que aumentar a gasolina, a luz, o gás e o Netflix. Não importa se critiquei a austeridade do Aécio, a independência do Banco Central da Marina, o bigode do Fidelix. Treino é treino, jogo é jogo. Daqui a pouco, vão querer que eu esteja aberta para o diálogo só porque disse isso no discurso da vitória.

7 DE NOVEMBRO_Ando com uma preguiça infinita dos parlamentares do PT. Gente pidona e malcriada. Dei um chorinho nas dívidas dos municípios. Sabe que às vezes até prefiro lidar com esses prefeitos com cara de PMDB. Todo mundo feliz que nem criança na hora do lanche.

Menina, fiquei besta com a tunda que o Obama levou nas eleições de lá. É um pouco complicado aquele método eleitoral deles. Pedi pro Figueiredo me explicar, mas essa gente do Itamaraty é tão empolada que acabei cochilando.

8 DE NOVEMBRO_Recebi o fofo do José Mujica. Mandei a banda do Exército ensaiar Is This Love, do Bob Marley, em ritmo de guarânia. Dançamos agarradinhos.

Arrebentei na entrevista que dei para aqueles jornalistas enjoados dos jornais escritos. Pus todos no bolso citando o Cantinflas. Essa gente é tão inculta! Graças a Deus, o cara lá da Austrália ligou e terminei a xaropada alegando urgência para negócios de Estado.

9 DE NOVEMBRO_Dia de ficar com o Gabrielzinho. Fizemos uma versão da musiquinha que ele mais gosta: “Seu Inácio tinha uma Fazenda, ia-ia-ô/Nessa Fazenda tinha um ministro, ia-ia-ô/Era PIB turbinado pra cá/Era Selic defasada pra lá/Era remendo pra todo lado, ia-ia-ô.”

11 DE NOVEMBRO_Gente, a Marta Suplicy era ministra da Cultura? Fiquei confusa.

12 DE NOVEMBRO_Todo mundo colocou o cargo à disposição. Li na imprensa que seria um sinal de lealdade. Fiquei mais confusa ainda.

E o Lula já anda espalhando que quer escolher os novos ministros da Fazenda, das Cidades e da Educação. Mamar na gata ele não quer, né, bebé… Vem buscar o Gilbertinho e leva de volta para São Paulo.

13 DE NOVEMBRO_Coloquei um biquíni de oncinha e pedi para o Sarney me desenhar. Isso vai valer uma fortuna. Sugeri para ele fazer no estilo Modigliani, aquele que deixava todo mundo magro.

14 DE NOVEMBRO_Fui ao Catar e encontrei a sheika Mozah bint Nasser. Sheika. E eu me martirizando há quatro anos para me chamarem de presidenta. Até no Oriente Médio já sabem como tratar uma mulher.

Deus do céu, eu aqui em outro continente e a Polícia Federal me prende os donos das empreiteiras. Estão descontrolados. Fingi que não era comigo e fui visitar o Museu de Arte Islâmica. Cada coisa linda!

15 DE NOVEMBRO_Reunião dos Brics na Austrália. Rodei um pouquinho pelo país e fiquei com a nítida impressão de que a Austrália é o Brasil que deu certo. Se pudesse, trocava na hora.

Telefonei pra Gracinha e mandei ela aguentar firme! Aquela coitada, tão honesta! Não tem dinheiro nem pra fazer um lifting. Agora está com aquele bigode chinês mais pendurado ainda. Um abatimento só…

16 DE NOVEMBRO_Sempre dou um jeito de me encontrar com a Merkel. Dessa vez, ela me vendeu umas bijuterias incríveis. Comprei um maxicolar de madrepérola que a Ideli vai se rasgar de inveja.

17 DE NOVEMBRO_Estava refestelada no avião, colocando minha máscara para dormir, quando alguém me cutuca na barriga. Ai, como eu odeio isso. Dei um pulo da poltrona e armei minha cara de fúria número 39. Quem era o pândego? Quem podia ser? O Lula, claro! Será que ele acompanhou toda a minha viagem? Estou começando a ficar com medo.

19 DE NOVEMBRO_É muita petulância desse tal de Trabuco recusar o meu convite. E isso lá é nome, Trabuco!? Ainda tive que ouvir dele que não entende muito de contabilidade criativa. Pra cima de moi não, Trabucão!

20 DE NOVEMBRO_Sonhei que tinha indicado o Arno Augustin para a Fazenda. Acordei orgulhosa: Dilminha, seu nome é coerência. Achei que era premonição, perguntei ao João Santana se não era uma boa ideia: me mandou tomar uma ducha gelada. Dez minutos depois ligou o Lula, perguntando se estava tudo bem em casa.

22 DE NOVEMBRO_Comecei a revolução bolivariana convidando Joaquim Levy para o Ministério da Fazenda e a Katia Abreu para a Agricultura. O negócio é confundir a oposição.

23 DE NOVEMBRO_O Dunga só me dá alegria. Me identifico com o estilo firme. Somos dois injustiçados.

Gente, tem empresário exibindo recibo de propina. Querem Nota Fiscal Paulista também? Eu nunca imaginei que a coisa na Petrobras estivesse tão organizada.

25 DE NOVEMBRO_Não adianta o PT reclamar. Agora eu faço questão de um ministério igualzinho ao do Aécio.

26 DE NOVEMBRO_Assisti aos capítulos atrasados de Império. O comendador mexe comigo. Ele e a sweet child juntos me deixam até sem jeito.