anais da democracia brasileira

Uma cidade exemplar

Como anda nossa vida cívica no mês das eleições

João Moreira Salles

Do terraço de um prédio se vê Três Corações. Do alto, a cidade se espalha. No centro, casas, sobrados e pequenos edifícios se aglomeram sem outro ordenamento a não ser a delimitação entre o público e o privado, o dentro e o fora, reservando-se ao privado o que é bonito – a pintura, o ornamento – e, à rua, o que não importa. A impressão é de coisa malfeita e pouca consciência da tragédia urbana que inventamos. Entre as edificações mais próximas e as que aparecem ao longe passa uma linha que separa os bairros mais ricos dos mais pobres, mas, do alto, o olho não distingue a diferença. Numa socialização às avessas, em que não se distribui a virtude, mas o defeito, a bagunça gestada pela ausência do Estado, tão viva nas comunidades mais desassistidas, é o princípio que também organiza o lugar onde vivem os mais abastados. A calçada intransitável de um palmo de rua rica é igual à calçada intransitável de um palmo de rua pobre, um efeito fractal que transforma quase tudo na mesma coisa.

“Isso não faz sentido nem dentro da lógica capitalista”, diz Angela Azevedo, apontando as franjas da zona urbana, onde casas de pé, cascas de casa e terrenos baldios ocupam lotes de novos lançamentos imobiliários. “São milhares de lotes vazios, é uma loucura. A cidade está crescendo pouco, boa parte desses lotes continuará vazia. Eles vão ser foco de dengue, de lixo, de criminalidade, de custo para a iluminação pública.”

MATÉRIA FECHADA PARA ASSINANTES

João Moreira Salles

Documentarista, é editor fundador da piauí. Dirigiu Santiago, Entreatos, Notícias de uma Guerra Particular e Nelson Freire

Leia também

Últimas

O padre, o filho e a pensão alimentícia

Justiça manda religioso pagar três salários mínimos mensais a ex-fiel que diz ter tido um romance e um filho com ele; o padre nega

Pela simplificação dos planos diretores

Legislação complicada e genérica precisa ser substituída por outra capaz de ser entendida pela população

O encalhe de Pantanal e Dona Beija

Acervo com mais de 25 mil fitas da Rede Manchete vai a leilão, mas não atrai nenhum comprador

Foro de Teresina #154: Boom, bola e bolso

O podcast de política da piauí discute os principais fatos da semana

Dias de alívio e de pranto

Vestibulanda relata angústia de ver sua avó, vacinada, se recuperar da Covid, enquanto um amigo chorava a morte do pai, sem vacina

Mais textos