Igualdades

A pandemia no interior do país

Amanda Rossi e Renata Buono
04maio2020_11h15

A Covid-19 está no Brasil, oficialmente, há pouco mais de dois meses. Em 25 de fevereiro, São Paulo notificou o primeiro caso nacional, um paciente que havia viajado para a Itália. Desde então, a doença se espalhou para 2.023 municípios brasileiros até o fim de abril, percorrendo o trajeto das cidades maiores para as menores. É fora das capitais que a Covid-19 cresce mais rápido. Em média, cada caso nas capitais gerou 14 outras infecções em um mês. No restante das cidades, cada caso deu origem a outras 34 contaminações. O =igualdades desta semana explica a distribuição da Covid-19 nos dois primeiros meses da doença no Brasil. Os dados foram compilados pela plataforma de dados abertos Brasil.io, a partir de boletins epidemiológicos estaduais – o Ministério da Saúde não divulga dados municipais.

O número de cidades com casos de Covid-19 saltou de 325, em 29 de março, para 2.023, em 29 de abril. Em média, cada cidade espalhou a doença para outras 5. Nos locais onde o coronavírus já circula, vivem 170 milhões de pessoas.

Até 29 de abril, 92 cidades já tinham mais de 100 casos de Covid-19. As seis mais afetadas têm, juntas, quase metade dos casos do país.

A Covid-19 cresce mais no interior. Nas capitais, cada caso notificado da doença no fim de março gerou, em média, mais 14 infecções até fim de abril. Já no restante das cidades, cada caso deu origem a outras 34 contaminações.



Em algumas cidades do interior, os casos cresceram tanto que a incidência de Covid-19 já é maior que nas capitais. Manacapuru (AM), cidade de 97 mil habitantes, tem 42 infectados para cada 10 mil habitantes. Iranduba (AM), de 48 mil habitantes, 24 por 10 mil habitantes. Já em São Luís (MA), a capital com a maior incidência do país, são 22 por 10 mil. Em São Paulo, 14 por 10 mil.

Há um mês, as capitais tinham 78% dos casos de Covid-19 e, o interior, 22%. Agora, são 61% nas capitais e 39% no interior.

Santa Catarina é o estado brasileiro por onde a Covid-19 mais se espalhou. Apenas 17% dos casos estão em Florianópolis. Já em Roraima, Boa Vista concentra 90% dos casos.

Na maior parte do país, a doença está em fase inicial. De cada 10 cidades com Covid-19, 8 têm até 10 casos. Nesse patamar, ainda é possível rastrear e isolar todos os doentes e aqueles que tiveram contato com eles.

Ainda assim, as cidades menores continuam sendo o principal refúgio contra a Covid-19. Todas as cidades com mais de 200 mil habitantes registraram casos da doença. Já entre as cidades com até 20 mil habitantes, 4 de cada 5 estão livres do novo coronavírus.

Fontes: Dados municipais compilados pelo Brasil.io, Tadeu Masano/FGV. Para cálculo da taxa por município, foram consideradas apenas cidades onde há mais de cem casos.

Amanda Rossi (siga @amanda_rossi no Twitter)

Jornalista, trabalhou na BBC, TV Globo e Estadão, e é autora do livro Moçambique, o Brasil é aqui

Renata Buono (siga @revistapiaui no Twitter)

Renata Buono é designer e diretora do estúdio BuonoDisegno

leia mais

Últimas Mais Lidas

Uma floresta mais perto do fim

Audiência pública virtual para discutir o autódromo que destruirá Floresta do Camboatá volta a ser permitida pela Justiça na reta final

Foro de Teresina #112: A metamorfose de Bolsonaro

podcast de política da piauí discute os principais fatos da semana

O Minotauro da fronteira 

Como um dos chefes do PCC deixou um rastro de mortes e corrupção no Paraguai

Na piauí_167

A capa e os destaques da revista de agosto

Dispositivo de alerta

Morador provisório do Alvorada mostrou não estar à altura do cargo para o qual foi eleito, assim como seu clã de três zeros

Bolsonaro, o favorito?

Se não aumentar atual taxa de aprovação, presidente chegará a 2022 em situação desconfortável; até lá, arma a retranca e joga a torcida contra o juiz

No app da inclusão

Jovens negros da periferia apostam na tecnologia como ferramenta contra o racismo

Foro de Teresina #111: A república rachada de Bolsonaro

O podcast de política da piauí discute os principais fatos da semana

Álcool, pancadas na cabeça e poluição, novos riscos para o Alzheimer

Teste aponta propensão para a doença vinte anos antes de sintomas aparecerem; estudo inédito identifica três novos fatores a evitar para não desenvolver o mal

Mais textos
3

Por que as crianças gostam de Valtidisnei

De como me perdi de minha família ao ver Pinocchio, fui parar num reformatório, e a reencontrei numa sessão de Bambi

4

Carbonos do pop

Falsos gringos e indústria cover no lado B da canção brasileira

6

A baleia branca de Rodolfo Landim

O ex-executivo de Eike Batista julga ser responsável por parte considerável do sucesso empresarial do homem mais rico do Brasil. Agora, com a obstinação de quem não gosta de perder nem pelada, parte para buscar o que considera seu

7

A morte e a morte do Capitão América

Baudrillard, o franco-atirador da teoria de que tudo é ilusão, mandou o Capitão América desta para a pior

9

Para voltar à mídia, Aécio Neves adota 12 beagles

POSTO 12 - Escanteado do debate sucessório depois da polarização entre Dilma Rousseff e Marina Silva, Aécio Neves resolveu adotar 12 beagles resgatados do Instituto Royal. "Um partido que tem um tucano como símbolo é o verdadeiro defensor dos povos das florestas e dos bichos fofinhos", explicou Aécio, com um dos animaizinhos no colo, assegurando-se de que todos os beagles que levou para casa são fêmeas.

10

Por que i-piauí Herald não reproduz rumores sobre a vida privada de autoridades

Há alguns dias, correm rumores (sinistros e espantosos) sobre a vida privada de determinadas autoridades da República. Apesar de não ter nenhuma base material tangível, tais rumores foram reproduzidos por numerosos órgãos de imprensa estrangeiros, notadamente do Paraguai, do Togo e de Burkina Fasso. Foi o que bastou, infelizmente, para que publicações da auto-cognominada “grande imprensa”, insensatamente, repetissem o zunzunzum.