Igualdades

Pandemia sem água na torneira

Amanda Rossi e Renata Buono
27jul2020_10h36

Para 9,6 milhões de casas brasileiras, a recomendação de lavar as mãos para evitar o coronavírus não é trivial. São casas que não estão ligadas à rede de água, segundo a última Pesquisa Nacional de Saneamento Básico, do IBGE. O número corresponde a todas as casas dos estados do Rio de Janeiro e de Pernambuco, juntos. Outras 34 milhões de residências não têm esgoto, o que equivale a metade das casas do país. Sem saneamento adequado, os brasileiros ficam mais doentes. O país registra 342 mil internações hospitalares por doenças que poderiam ser evitadas se houvesse pleno acesso a água e esgoto. Esta semana, o =igualdades retrata as condições de saneamento do país.

No Brasil, uma de cada sete casas não está ligada na rede de água. No total, são 9,6 milhões de residências sem água na torneira – equivalente aos estados do Rio de Janeiro e de Pernambuco, juntos.

O Nordeste concentra 5 de cada 10 das casas não ligadas à rede água. Em seguida, está o Norte, com 3 de cada 10. O Sudeste tem 1 de 10. Sul e Centro-Oeste dividem o restante.

Estar ligado à rede de água não significa poder ligar a torneira a qualquer hora. De cada 5 municípios com abastecimento de água, 1 enfrentou racionamento – a maior parte deles devido a seca ou estiagem.



O Brasil desperdiça muita água. A cada 10 litros captados, 4 ficam pelo caminho, em vazamentos diversos. Apenas os 6 litros restantes chegam às torneiras das casas brasileiras.

A situação do esgoto é mais grave. No país, 34 milhões de casas não estão ligadas à rede de esgoto. Isso equivale a metade das residências do país.

A cobertura de esgoto em São Paulo é 30 vezes a do Pará. Enquanto em São Paulo 92% das casas têm acesso a esgoto, no Pará são apenas 3%.

Além da falta de água e esgoto, o Brasil lida com a precariedade das habitações. Entre 100 brasileiros, 3 vivem em casas sem um banheiro exclusivo para a família, precisando recorrer a banheiros de terceiros ou mesmo a outras soluções.

O Brasil tem um alto número de internações por doenças provocadas por saneamento inadequado. Foram 342 mil em 2016, último ano com dados disponíveis. É mais do que as internações por acidentes de trânsito no SUS. Para cada 10 pessoas internadas por saneamento inadequado, o SUS internou outras 6 pessoas por acidentes de trânsito.

 

Fonte: Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Amanda Rossi (siga @amanda_rossi no Twitter)

Jornalista, trabalhou na BBC, TV Globo e Estadão, e é autora do livro Moçambique, o Brasil é aqui

Renata Buono (siga @revistapiaui no Twitter)

Renata Buono é designer e diretora do estúdio BuonoDisegno

leia mais

Últimas Mais Lidas

Na piauí_167

A capa e os destaques da revista de agosto

Dispositivo de alerta

Morador provisório do Alvorada mostrou não estar à altura do cargo para o qual foi eleito, assim como seu clã de três zeros

Bolsonaro, o favorito?

Se não aumentar atual taxa de aprovação, presidente chegará a 2022 em situação desconfortável; até lá, arma a retranca e joga a torcida contra o juiz

No app da inclusão

Jovens negros da periferia apostam na tecnologia como ferramenta contra o racismo

Foro de Teresina #111: A república rachada de Bolsonaro

O podcast de política da piauí discute os principais fatos da semana

Álcool, pancadas na cabeça e poluição, novos riscos para o Alzheimer

Teste aponta propensão para a doença vinte anos antes de sintomas aparecerem; estudo inédito identifica três novos fatores a evitar para não desenvolver o mal

Moral religiosa é mais forte no Brasil do que em países com renda parecida 

Diretor de escola de Oxford analisa pesquisa global do Pew Research sobre moralidade e fé e explica por que a cultura brasileira faz do país um ponto fora da curva na questão

Mortes visíveis – o reencontro de Sérgio Ricardo, Dib Lutfi e Glauber Rocha

Contaminados pelo novo coronavírus, milhares de mulheres e homens perderam a vida – morreram de Brasil

De Quixeramobim a Oxford

Como um estudante do interior do Ceará se tornou um dos pesquisadores no rastro do genoma do Sars-CoV-2

Mais textos
2

Deus e o Diabo estão nos detalhes

Notas sobre a importância do desimportante

3

A morte e a morte do Capitão América

Baudrillard, o franco-atirador da teoria de que tudo é ilusão, mandou o Capitão América desta para a pior

4

Carbonos do pop

Falsos gringos e indústria cover no lado B da canção brasileira

5

Por que as crianças gostam de Valtidisnei

De como me perdi de minha família ao ver Pinocchio, fui parar num reformatório, e a reencontrei numa sessão de Bambi

6

O taxista carioca

Armando Japiassú dirige com o cotovelo para fora, finge que o ar-condicionado quebrou agorinha mesmo e definitivamente não acredita que a reta seja o caminho mais curto entre dois pontos 

7

Uma arma, dois assassinatos e uma só tragédia no Rio

Como uma mesma pistola 9 mm de uso restrito está diretamente ligada às mortes de um sniper e de um PM em menos de 24 horas na capital carioca

9

A guerra do Cashmere

Como João Doria Júnior se tornou candidato a prefeito e implodiu o PSDB de São Paulo

10

Dentro do pesadelo

O governo Bolsonaro e a calamidade brasileira