Arrigo Barnabé

Arrigo Barnabé é cantor e compositor. Lançou o DVD Caixa de Ódio, da Coleção Canal Brasil, em que interpreta canções de Lupicínio Rodrigues.

histórias publicadas

O mestre de Tom Jobim
questões musicais

O mestre de Tom Jobim

Bom, já está chegando a hora das despedidas, acredito que um novo blogueiro deve assumir a partir de julho, aproveito para agradecer os leitores e ouvintes, pela atenção dispensada.

Não poderia terminar sem oferecer para vocês, leitores e ouvintes, alguma coisa de Villa Lobos, aquele proclamava: “o folclore sou eu!” Gostaria de ter feito uma seleção melhor, mas sou péssimo prospector na internet, eterno neófito.

Stravinsky (sem palavras)
questões musicais

Stravinsky (sem palavras)

Uma preciosa seleção de vídeos de Stravinsky 

questões musicais

As diferenças ( …Betha Pickles, a conservada em álcool! )

Tive um amigo, que conheci durante o curso ginasial, Carlinhos. Quando viemos estudar em São Paulo, o Carlinhos teve coragem de assumir que era gay. E radicalizou na maneira de vestir e se comportar. Passou a se maquiar, e se descobriu como mulher, aprisionada em corpo masculino. Aí inventou de tomar hormônio! Lembro de discutir com ele por causa disso, achava que fazia mal, era perigoso…

Diretamente da Portela para a ponte do rio Pinheiros
questões musicais

Diretamente da Portela para a ponte do rio Pinheiros

São Paulo é solidão. Lava que cobre tudo. Atravessar a ponte sobre o rio Pinheiros a pé, existe algo mais desolador que isso? Entre o barulho e a fumaça, expectorados pelos caminhões e ônibus, nos sentimos ali quase como náufragos, caminhando sobre o rio. Cônscios de nossa carne, da nossa organicidade, como o náufrago, depois que aspira o ar, abraçado à areia, redivivo, percebe a mínima pulsação do sangue em toda sua capilaridade pelo organismo, o batimento da vida. Olhando para baixo, podemos ver o rio que não corre mais. Antes piscoso, agora viscoso. Estagnado, aquela estagnação do hospital, da penitenciária, dos asilos.

Rosas e silêncio para John Cage
questões musicais

Rosas e silêncio para John Cage

Nadir levantou o braço e contemplou as unhas, incendiadas pelo esmalte vermelho da véspera. O sol também brilhava vermelho, prenunciando seu ocaso. Na sala do pequeno apartamento, rasgada por uma janela generosa, a angústia, discretamente cumpria o ritual, exibindo suas credenciais. Ela desviou o olhar para a ânfora, magistral entre os bibelôs da estante, objeto de impecável sobriedade.

As cinzas de seu único amor ali repousavam.

Memórias, angústias e decepções
questões musicais

Memórias, angústias e decepções

Nos anos 70, eu costumava frequentar a discoteca da Lapa, na rua Catão. Pegava um ônibus em Pinheiros e ia até aquele bairro bem arborizado, onde as casas não eram geminadas, como em Pinheiros. Ali eu sempre sentia um pouco mais de intimidade com o espaço urbano, como se estivesse nas cercanias de minha casa, no interior.

Por eu frequentar a discoteca fora dos horários de grande fluxo, fazia sempre um percurso tranquilo. Assim, sentado no banco do ônibus, apreciando o verde calmo das árvores, eu serenava um pouco.

questões musicais

Metrônomo

Acordeon
questões musicais

Acordeon

O instrumento que eu mais gostava, quando criança, antes de começar a estudar música, era o acordeon. Queria aprender a tocar esse instrumento, queria mesmo. Gostava tanto de seu som, do timbre, que parecia evocar lembranças de afeto e ternura, mas que já vinham impregnadas pela melancolia da separação, perceptível por qualquer criança ao ver o sol morrer. Havia tristeza em seu som, era tocante.