Brasileiro aguarda debate entre Bolsonaro e Mourão

27set2018_18h50

CLUBE MILITAR – “O debate dos debates!”, “O bate-boca do fim do mundo!”, “A luta do século!”, “Os gladiadores do Terceiro Reich!”. Assim está sendo divulgado o encontro de ideias que pretende abalar as eleições 2018. Para compensar a ausência no debate entre presidenciáveis organizado pela TV Globo, Jair Bolsonaro prometeu brindar o público com um duelo muito mais sangrento. “Ninguém desafiou mais minhas ideias, nesse período eleitoral, do que o meu vice”, explicou o candidato, referindo-se ao general Hamilton Mourão. “Ele contradiz meu plano de governo, a Constituição, o Código de Defesa do Consumidor, os sensos ético e estético e o manual de escoteiros. Então nada mais natural do que chamar ele pra confronto direto, de macho, no estilo mata-mata.”

No debate, os dois militares deverão discutir sobre temas dos quais discordam, como décimo terceiro salário, necessidade de uma Constituição aprovada pelo povo e o papel do vice. Há também uma possibilidade de que o ringue ainda conte com a presença do economista Paulo Guedes, que vem discordando de Bolsonaro quanto à criação de uma nova CPMF. Só serão permitidos golpes de Estado na linha da cintura.

Casas de aposta do Reino Unido já dão maiores chances de vitória a Mourão, que em caso de empate pode usar sua patente de general para desbancar o capitão Bolsonaro. “Além disso, nós sabemos que o vice sempre leva vantagem quando se trata de Brasil”, afirmou um apostador inglês.