Ricardo Salles desmata sua própria árvore de natal

12dez2019_17h25
Salles também vendeu todas as vacas de seu presépio para o mercado chinês
Salles também vendeu todas as vacas de seu presépio para o mercado chinês

POLO ASA NORTE, BRASÍLIA – Bombeiros atenderam a um chamado de emergência na noite de ontem, em Brasília, para apagar um foco de incêndio dentro de um apartamento funcional. Horas depois, ficou comprovado que o fogo – criminoso porém democrático – havia tido início na sala do ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles.

“Isso tudo foi uma brincadeira marota do Nabhan Garcia, que me presenteou com uma árvore de Natal em homenagem à minha gestão no ministério”, explicou Ricardo Salles, ainda rindo da galhofa. “E a gente sabe que árvore é que nem barata. Se aparece na frente, mata.” O ministro contou que primeiro cortou o tronco com uma serra elétrica que guarda no closet. “Fica ao lado da gaveta dos óculos.” Depois jogou fogo na árvore já tombada, para se certificar de que ela estava realmente morta. “Hoje em dia é tanta série de zumbi que a gente fica sempre com receio de o bicho levantar e sair gritando ‘miolos’, ou ‘oxigênio’ pela casa, né?”.

Salles se desculpou com os vizinhos pelo incômodo, mas pediu que entendessem que tem uma reputação a zelar. “Não fica bem para um homem da minha estatura ser pego com uma árvore tão jovem dentro de casa…”.

O presidente Jair Bolsonaro foi informado sobre o incidente e respondeu: “Essa atitude daí foi correta, tá ok? Inclusive já pedi para todos os ministérios trocarem suas árvores por pastos de natal e estou proibindo papai noel de usar vermelho. Esse ano o bom velhinho dos presentes vai ser o véio da Havan, que vem de verde amarelo.”
Arquivo
  • 2020
  • 2019
  • 2018
  • 2017
  • 2016
  • 2015
  • 2014
  • 2013
  • 2012
  • 2011
  • 2010
  • 2009
O The piauí Herald não é uma seção noticiosa, mas exclusivamente de humor, com sátiras da realidade política do Brasil.