rádio piauí

Maria vai com as outras #3: Mulheres no esporte

Cynthia Martins, jornalista esportiva, e Isadora Cerullo, jogadora da seleção brasileira de rugby, falam do combate a estereótipos da mulher no mundo esportivo

01jul2018_18h24
Cynthia Martins e Isadora Cerullo, convidadas do terceiro episódio, pelo traço do ilustrador Caio Borges
Cynthia Martins e Isadora Cerullo, convidadas do terceiro episódio, pelo traço do ilustrador Caio Borges

Enquanto as seleções masculinas de futebol se enfrentam na Copa do Mundo da Rússia, o Maria vai com as outras discute as histórias de sucesso e o tabu enfrentado pelas mulheres que trabalham com esporte no Brasil. Num universo notadamente masculino, elas desafiam estereótipos de feminilidade, enfrentam assédio de torcedores, preconceito de colegas, e se esforçam para provar sua autoridade ao falar de futebol, rugby, tênis, vôlei, fórmula 1 e tudo o mais que inflama multidões e piras olímpicas.

Branca Vianna conversou com duas especialistas no assunto: a repórter esportiva Cynthia Martins, e a jogadora da Seleção Brasileira de rugby Isadora Cerullo.

Bloco 1

Aos 33 anos, a jornalista Cynthia Martins tem consolidado sua carreira na cobertura esportiva. Depois de quatro anos no canal a cabo SporTV, hoje ela é uma das apresentadoras do canal de notícias BandNews, além de participar semanalmente de uma mesa-redonda sobre futebol majoritariamente feminina. Ela falou sobre o assédio nos estádios e nas redes sociais, e sobre os desafios da desigualdade de gênero que, na televisão, tem características próprias. Enquanto os repórteres homens tornam-se mais respeitados com o passar dos anos, as mulheres, conforme envelhecem, tendem a ser gradativamente afastadas das câmeras.



Cynthia falou sobre a experiência de sua colega e amiga Livia Laranjeira, que teve a sua competência questionada na cobertura da tragédia que envolveu a delegação da Chapecoense, em dezembro de 2016, e declarou seu apoio à campanha #DeixaElaTrabalhar, que pede o fim do assédio contra repórteres.

Bloco 2

Jogando pela Seleção Brasileira de rugby, Isadora Cerullo – mais conhecida como Izzy –, de 27 anos, participou das Olimpíadas de 2016 e conquistou medalha de bronze nos Jogos Pan-Americanos de 2015. Ela conta que sua carreira foi marcada pelo enfrentamento de estereótipos de gênero. O rugby, marcado pelo uso da força física, entra em colisão com a imagem de delicadeza comumente associada às mulheres. Ela, que se considera feminista, estimula colegas a desafiar os rótulos impostos às mulheres esportistas.

Em 2016, Izzy foi pedida em casamento por sua namorada, Marjorie Enya, durante cerimônia de entrega de medalhas nas Olimpíadas do Rio. Aqui você confere o vídeo desse momento.

Maria vai com as outras vai ao ar quinzenalmente às segundas-feiras pela manhã. Você também pode ouvir o podcast em outras plataformas:

 Spotify: clique aqui.
 iTunes: clique aqui.
SoundCloud: clique aqui.
 YouTube: clique aqui.
 Resultado de imagem para stitcher icone Stitcher: clique aqui.
Resultado de imagem para rss Feed: é possível acompanhar o Maria vai com as outras por outros agregadores. O RSS direto do podcast é http://mariavaicomasoutras.libsyn.com/rss

Está tendo dificuldades para ouvir o podcast nos tocadores? Confira o nosso guia.

Ficha técnica:

Apresentação: Branca Vianna
Produção: Paula Scarpin
Edição: Filipe Di Castro
Finalização e mixagem: João Jabace
Identidade visual: Cecilia Marra, Caio Borges e Paula Cardoso
Distribuição: Kellen Moraes e Luigi Mazza
Gravado no estúdio da Rádio Batuta, no Instituto Moreira Salles

mais rádio piauí

Últimas Mais Lidas

Praia dos Ossos: segundo episódio já está disponível

Podcast original da Rádio Novelo é publicado aos sábados

Foro de Teresina #118: O presidente no meio do fogo

O podcast de política da piauí discute os principais fatos da semana

Foro de Teresina #117: A inflação de Bolsonaro

O podcast de política da piauí discute os principais fatos da semana

Foro de Teresina #116: Bolsonaro e as vacinas

O podcast de política da piauí discute os principais fatos da semana

Foro de Teresina #115: Um presidente chapa quente

O podcast de política da piauí discute os principais fatos da semana

Foro de Teresina #114: A Bolso Família

O podcast de política da piauí discute os principais fatos da semana

Foro de Teresina #113: Bolsonaro fura o teto

O podcast de política da piauí discute os principais fatos da semana

Foro de Teresina #112: A metamorfose de Bolsonaro

podcast de política da piauí discute os principais fatos da semana

Foro de Teresina #111: A república rachada de Bolsonaro

O podcast de política da piauí discute os principais fatos da semana...

Foro de Teresina #110: Bolsonaro e o partido da boquinha

O podcast de política da piauí discute os principais fatos da semana

Mais textos
1

R$ 0,46 no tanque dos outros

Agora, caminhoneiros grevistas usam WhatsApp para defender queda da gasolina, de Temer e da democracia

2

A vida e a morte de uma voz inconformada

Os últimos momentos de Marielle Franco, a vereadora do PSOL executada no meio da rua no Rio de Janeiro sob intervenção

4

Ray Kurzweil e o mundo que nos espera

Uma entrevista com o inventor e futurólogo americano

5

Qu4tro figuras (e mais 2)

Agora só tem o Homem de Ferro em Blu-ray, a privada virou "poltrono", a moça penteia o bigode e Stálin está no armário

6

Juízes vão ganhar auxílio-greve

“Você já viu o preço de um megafone hoje em dia? Sabe quanto custa mandar fazer faixas, camiseta, alugar carro de som?” Com essas palavras o ministro Luiz Fux justificou a aprovação do auxílio-greve para juízes federais que farão parte da mobilização que tenta barrar o fim do auxílio-moradia aos magistrados

7

Pero sin perder la broma

A revista que inferniza a monarquia espanhola se adapta aos tempos de crise

10

Chiclete com Banana adere à gourmetização e muda nome para Shitake com Macadâmia

AMARALINA - Em reformulação desde a saída do vocalista Bell Marques, o grupo Chiclete com Banana resolveu dar uma guinada radical para se adequar aos novos tempos. "Se você é diferenciado / Vem dançar ao som do berimbau goumertizado / Se Caetano estacionou o carro no Leblon / Eu brindo a vida com Paleta e Chandon", cantarolou o novo vocalista da banda, João Doria Junior.