vultos da república

A agrobombeira

A ministra Tereza Cristina se equilibra entre Bolsonaro, os ruralistas e a pauta ambiental

Consuelo Dieguez
Nas conversas com Bolsonaro, Tereza Cristina o chama de Jair. Ela conta que o presidente a escuta com atenção e revê posições. “Quer saber? Ele é até suave no trato”, diz – e gargalha
Nas conversas com Bolsonaro, Tereza Cristina o chama de Jair. Ela conta que o presidente a escuta com atenção e revê posições. “Quer saber? Ele é até suave no trato”, diz – e gargalha CREDITO: DIEGO BRESANI_2019

A ministra Tereza Cristina, da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, entrou no prédio envidraçado do Parlamento Europeu, em Bruxelas, para a discussão do acordo entre União Europeia e Mercosul, com a sensação do jogador que pisa em campo na final do campeonato sem nunca ter atuado em partida alguma. Nos últimos vinte anos, dezenas de diplomatas, técnicos e ministros se revezaram em duras rodadas de negociação na tentativa de abrir um mercado de mais de 500 milhões de pessoas para os produtos brasileiros (e também argentinos, uruguaios e paraguaios). 

Quando ela desembarcou na capital belga, no dia 24 de junho, as cláusulas econômicas já estavam amarradas. A pendência se concentrava justamente no agronegócio. A pressão sobre a ministra – tanto por parte dos técnicos da pasta da Economia, no Brasil, quanto dos comissários da União Europeia (UE) e dos parceiros do Mercosul – era tremenda. Se o grupo da Agricultura não fosse capaz de desatar os nós, o acordo, mais uma vez, ficaria emperrado.

MATÉRIA FECHADA PARA ASSINANTES
Para acessar, assine a piauí

Consuelo Dieguez

Repórter da piauí desde 2007, é autora da coletânea de perfis Bilhões e Lágrimas, da Companhia das Letras

Leia também

Últimas Mais Lidas

Projeto da piauí é um dos vencedores de desafio do Google

"Refinaria de Histórias" vai transformar reportagens em séries, filmes e documentários

Maria Vai Com as Outras #6 – parte II: Trans – Gênero, corpo e trabalho

A advogada Márcia Rocha fala sobre a inserção de pessoas trans no mercado de trabalho formal

PT e aliados preparam campanha Lula-2022

Solto, ex-presidente vai percorrer o país e comandar oposição a Bolsonaro

Os donos do Supremo

Professora da FGV critica poder absoluto da presidência da Corte sobre pauta de votação: “Pode levar todo o tribunal para o buraco”

Foro de Teresina #76: O mistério da casa 58, o golpismo bolsonarista e o pacote de Paulo Guedes

O podcast de política da piauí discute os principais fatos da semana

Começo para uma história sem fim

Como uma foto, um porteiro e um livro de registros complicaram ainda mais a investigação do caso Marielle

Parasita – nepotismo, corrupção e benfeitores

Em conexão inesperada com o Brasil, sátira coreana ajuda a pensar sobre parasitas e hospedeiros

Na piauí_158

A capa e os destaques da revista que começa a chegar às bancas

Mais textos
1

Começo para uma história sem fim

Como uma foto, um porteiro e um livro de registros complicaram ainda mais a investigação do caso Marielle

3

O estelionatário

O brasileiro que enganou um mafioso italiano, políticos panamenhos e Donald Trump

5

Cientista da democracia

O que os experimentos de Claudio Ferraz têm a dizer sobre o nosso sistema político, a sabedoria do eleitor e o governo de Jair Bolsonaro

7

Na piauí_158

A capa e os destaques da revista que começa a chegar às bancas

8

PT e aliados preparam campanha Lula-2022

Solto, ex-presidente vai percorrer o país e comandar oposição a Bolsonaro

9

Os donos do Supremo

Professora da FGV critica poder absoluto da presidência da Corte sobre pauta de votação: “Pode levar todo o tribunal para o buraco”

10

Foro de Teresina #76: O mistério da casa 58, o golpismo bolsonarista e o pacote de Paulo Guedes

O podcast de política da piauí discute os principais fatos da semana