esquina

Cãomunitário

Um vira-lata com muitos donos

Marcela Donini 
ILUSTRAÇÃO: ANDRÉS SANDOVAL_2016

“Quem é o responsável por esse vira-lata chamado Alemão? Atacou a minha cadela sem maiores motivos. O responsável pelo cão que tenha a hombridade de se identificar.” O funcionário público Edson Vallim, de 48 anos, estava furioso. Escreveu o post no grupo de Facebook Vizinhos do Centro Histórico assim que chegou em casa, às 17h10 do dia 29 de junho, uma quarta-feira. Acabara de voltar do passeio vespertino com sua cachorrinha, Farofa, de 14 anos.

Já havia algum tempo que Vallim avistava Alemão na rua Coronel Fernando Machado, no Centro Histórico de Porto Alegre. Ainda hoje, pelas manhãs, é comum ver o animal na mesma via, só que vagando pelos lados da 2ª Companhia do 9º Batalhão de Polícia Militar. Pouco antes do meio-dia, o cachorro costuma mudar de quarteirão e se postar, empertigado, diante do açougue Santo Antônio. Não raro, sai de lá com um osso, que enterrará no estacionamento da quadra seguinte, onde fica a casa do chaveiro Sergio Roberto Martins, o Chico.

MATÉRIA FECHADA PARA ASSINANTES

Marcela Donini 

Marcela Donini é jornalista gaúcha.

Leia também

Últimas

A lenha ou a fome

Sem dinheiro para comprar gás, moradores da periferia de Curitiba gastam horas catando madeira e voltam à era do fogão a lenha para poder cozinhar alimentos

Celebridade versus Mito

Trupe de artistas e influencers contra Bolsonaro cresce nas redes, faz barulho e amplia a base de oposição

A importância do cinema brasileiro

Patrimônio merece ser preservado e protegido, não destruído

Desiguais até na infelicidade

Entre os 40% mais pobres da população brasileira, sensação de bem-estar geral caiu mais; para os 20% de renda mais alta, sentimento é de que a vida até melhorou

Lugar de militar é no quartel

Emenda que barra militares da ativa na administração pública é insuficiente, mas um bom começo para tirar Forças Armadas da política

Mais textos