questões da República

Escola sem partido

A fábrica de gestores públicos do RenovaBR

Luigi Mazza
A vida de Eduardo Mufarej, do RenovaBR, é agitada: enriqueceu no mercado financeiro aos 30
anos, comprou e vendeu a Abril Educação e fracassou ao lado de Abilio Diniz na BRF antes de idealizar sua escola de políticos: “Senti que precisava fazer alguma coisa afinada com o <i>Zeitgeist</i>”
A vida de Eduardo Mufarej, do RenovaBR, é agitada: enriqueceu no mercado financeiro aos 30 anos, comprou e vendeu a Abril Educação e fracassou ao lado de Abilio Diniz na BRF antes de idealizar sua escola de políticos: “Senti que precisava fazer alguma coisa afinada com o Zeitgeist FOTO: REPRODUÇÃO_RENOVABR

“Os romanos inventaram um conceito muito importante para vocês, meus queridos alunos e alunas: o municipium. Essa era a expressão em latim para designar a cidade que era dotada de autoridade, ou seja, que podia ter uma lei própria. Dentro desse municipium, as pessoas tinham regras e até escolhiam alguém para o cargo de praefectus. Quem aqui será praefectus no ano que vem?” A pergunta do vereador Gabriel Azevedo, eleito por Belo Horizonte, em Minas, ecoou no teatro do Jockey Club do Rio de Janeiro, numa tarde de setembro de 2019, diante de quase trezentas pessoas. Jovens como o professor, várias delas levantaram as mãos e passaram a anunciar em voz alta o nome de suas cidades: Rio das Ostras, Vila Pavão, Serra, Paraíba do Sul, Niterói, Santa Maria de Jetibá, Cariacica, Sooretama…

O evento daquele sábado reunia fluminenses e capixabas que se inscreveram no curso do RenovaBR e pretendiam se lançar na política. Oriundos de 48 cidades, eles tinham acabado de se conhecer – o curso foi ministrado a distância ao longo de 2019, por meio de uma plataforma de vídeos. Havia no ambiente um clima de euforia colegial, e a maior parte dos estudantes vestia camisetas brancas, distribuídas na entrada do teatro, estampadas com a frase “primeira escola de políticos do Brasil”. 

MATÉRIA FECHADA PARA ASSINANTES

Luigi Mazza

Repórter da piauí, produtor da rádio piauí e diretor do podcast Foro de Teresina

Leia também

Últimas Mais Lidas

Marcadores do destino

Marcadores presentes no sangue podem aumentar ou diminuir os riscos do paciente infectado pela Covid-19 em desenvolver casos graves da doença

De puxadinho da Universal a queridinho da direita

No espaço deixado pelo PSL, Republicanos dobra número de prefeitos e se torna partido com mais vereadores eleitos em capitais

Foro de Teresina #128: As urnas, o racismo e o vírus

O podcast de política da piauí discute os principais fatos da semana

Teatro político

Ricardo Nunes, vice da chapa de Bruno Covas, faz encontro em teatro que recebeu repasse de 150 mil reais autorizado pela prefeitura de São Paulo

Confiança no SUS tem crescimento recorde na pandemia

Pesquisa inédita do Ibope mostra que, em 2020, a população passou a confiar mais em quase todas as instituições – menos no presidente e seu governo

Virada eleitoral: missão (im)possível?

Só uma em cada quatro disputas de segundo turno teve reviravolta em relação ao primeiro nas últimas seis eleições municipais

Mais textos
3

Na cola de quem cola

A apoteose da tecnologia e o adeus aos estudos

7

A Arquiduquesa da canção e do escracho

Algum jovem, bem jovem mesmo, que por ventura me leia neste momento, não há de saber quem foi “Araca, a Arquiduquesa do Encantado”, estou certa? Assim era chamada a cantora favorita de Noel Rosa e tantos outros, a super Aracy de Almeida. Mulher absolutamente singular em sua figura e trajetória.

8

Janelas para o passado

Vêm da Inglaterra iniciativas interessantes lançadas na internet esta semana que ajudam a entender melhor duas civilizações antigas. Um projeto disponibiliza na rede fragmentos de papiros egípcios da época da ocupação grega, incluindo textos de Platão, Heródoto e Epicuro, e convida os internautas para ajudar a decifrá-los. Foi inaugurada também uma biblioteca digital de manuscritos de Avicena e outros nomes da medicina árabe do período medieval.

9

Miriam

Miriam, a mulher com um problema na garganta

10

PMDB decide apoiar Obama e Raúl Castro

"Abaixo o capitalismo e o socialismo! Viva o fisiologismo!", discursou Temer