questões raciais

Letra preta

Os negros na imprensa brasileira

Yasmin Santos
“É complicado ser o único preto sempre”, disse-me um colega. “Enquanto os brancos se apoiam e dão tapinhas nas costas um do outro, você está lutando para não adoecer e pedir as contas”
“É complicado ser o único preto sempre”, disse-me um colega. “Enquanto os brancos se apoiam e dão tapinhas nas costas um do outro, você está lutando para não adoecer e pedir as contas” CREDITO: CAIO BORGES_2019

Do meu quarto, gritei pela minha mãe, que estava no quintal lavando roupa. Era janeiro de 2015. Ela veio a passos curtos, secando com uma toalhinha de algodão as gotas de suor que escorriam em seu rosto redondo. Pelas frestas da janela, ela me olhava com olhos cansados. Eu olhava o computador. A pequena tela revelava que eu figurava depois da milésima posição em uma das listas do Sisu, o sistema do Ministério da Educação para ingresso nas universidades públicas do país. O curso a que eu concorria, jornalismo, oferecia apenas 120 vagas a cada semestre.

Tenho uma leve lembrança de quando coloquei na cabeça que deveria estudar na Universidade Federal do Rio de Janeiro, qualquer que fosse o curso. Foi durante o ensino fundamental. Naquela época, entre os meus 10 e 12 anos, eu tinha certa paixão pelos números. Passava horas repetindo sequências numéricas sobre uma folha de papel no chão do meu quarto. De certa forma, eu acreditava que tudo que eu quisesse dizer poderia ser facilmente convertido em algarismos, com uma ajuda aqui ou ali de algumas letras – relação que se inverteu com o passar do tempo. Ouvi um professor de matemática dizer, diante da turma de uma pequena escola particular de Paciência, bairro da Zona Oeste carioca, que a UFRJ era a melhor universidade do país. A informação era equivocada, algo que fui descobrir apenas uma década depois. Nos anos de ignorância que se seguiram, essa foi uma lembrança que me guiou. Eu, que também queria ser professora de matemática, guardei o que havia ouvido com carinho.

MATÉRIA FECHADA PARA ASSINANTES
Para acessar, assine a piauí

Yasmin Santos

Repórter da piauí

Leia também

Últimas Mais Lidas

The world without the Amazon

A climate model predicts the effects of turning the forest into cattle pastures: 25% less rain in Brazil and higher temperatures, with “catastrophic” consequences for agriculture and energy production

Six conclusions about a model of the world without the Amazon

The price that Brazil and the world will pay if the forest continues to be cut down so that livestock can graze

Vazamento de óleo avança, plano de controle patina

Manchas se aproximam dos corais de Abrolhos; especialistas cobram do governo federal transparência em uso de programa para conter derrames de óleo

Ascensão e queda de um ex-Van Gogh

Tela do Masp atribuída ao pintor holandês tem autoria revista e inspira debate sobre valor artístico

Um bicheiro no centro do poder

A rede de assassinatos, amizades e dinheiro que cerca Jamil Name no Mato Grosso do Sul

Seis conclusões sobre o modelo do mundo sem a Amazônia 

O preço que o Brasil e o mundo pagarão caso a floresta continue a ser derrubada para dar lugar à pecuária

O mundo sem a Amazônia

Modelo climático prevê efeitos da conversão da floresta em pasto: diminuição de 25% das chuvas no Brasil e aumento da temperatura, com prejuízo "catastrófico" para agricultura e produção de energia

Foro de Teresina #73: Autofagia no governo, crise na oposição e o óleo nas praias do Nordeste

O podcast de política da piauí discute os principais fatos da semana

Domingo – um dia especial

Filme paga preço alto ao ser lançado agora, quando expectativa de “nova era” se mostrou ilusória

O novo Posto Ipiranga

Ex-capitão do Exército transformado em ministro da Infraestrutura cresce no Twitter e na agenda positiva do governo Bolsonaro 

Mais textos
1

Brasil mais longe da Europa

“Efeito Bolsonaro” afasta turistas europeus e prejudica negócios

2

Um bicheiro no centro do poder

A rede de assassinatos, amizades e dinheiro que cerca Jamil Name no Mato Grosso do Sul

3

Fala grossa e salto fino

As façanhas de Joice Hasselmann, do rádio ao Congresso

4

O mundo sem a Amazônia

Modelo climático prevê efeitos da conversão da floresta em pasto: diminuição de 25% das chuvas no Brasil e aumento da temperatura, com prejuízo "catastrófico" para agricultura e produção de energia

5

O novo Posto Ipiranga

Ex-capitão do Exército transformado em ministro da Infraestrutura cresce no Twitter e na agenda positiva do governo Bolsonaro 

7

Mitificação de Eduardo, demonização da esquerda

Em evento bolsonarista, filho do presidente e ministros apresentam rivais como mal radical, em sintoma da deterioração democrática no país

10

Foro de Teresina #73: Autofagia no governo, crise na oposição e o óleo nas praias do Nordeste

O podcast de política da piauí discute os principais fatos da semana