questões de forno e fogão

Molho rápido de atum

Hoje o almoço precisava sair num relâmpago e optamos por um clássico do tempo apertado, o molho de atum. As quantidades da receita abaixo podem ser dobradas e temos uma população flutuante – e hoje foram dezesseis pessoas. Usamos quatro latas de atum sólido para quase dois pacotes de massa. Mas bem que poderíamos ter usado cinco ou seis, pois quanto mais atum, melhor.

Maria Cecilia Marra
26set2012_19h24

Hoje o almoço precisava sair num relâmpago e optamos por um clássico do tempo apertado, o molho de atum. As quantidades da receita abaixo podem ser dobradas e temos uma população flutuante – e hoje foram dezesseis pessoas. Usamos quatro latas de atum sólido para quase dois pacotes de massa. Mas bem que poderíamos ter usado cinco ou seis, pois quanto mais atum, melhor.

Ingredientes

Para um pacote de 500 gramas de massa (4 pessoas)

2 latas de atum sólido



1 vidro de passata de tomate rústica

5 dentes de alho descascados

1 cenoura em cubinhos pequenos

1 folha de louro

Azeite

Um bonito ramo de salsinha

Açúcar

Pimenta do reino em grãos

Modo de fazer

Em uma panela, coloque o azeite para esquentar em fogo médio, acrescente os dentes de alho inteiros, os pedacinhos de cenoura, uma pitada de açúcar e frite até que o alho fique bronzeado. Nesse momento, acrescente o atum e vá refogando e quebrando com a colher de pau. Quando estiver borbulhando, acrescente o tomate e misture. Abaixe o fogo para o absoluto mínimo, coloque a folha de louro e tampe a panela.

Coloque sal na água para ferver a massa, ligue o fogo e vá cuidar das suas coisas por uns 15 minutos (coloque um alarme para não se distrair e esquecer).

Passados 15 minutos, o molho deve ter apurado, mudado de cor e a água deve estar fervendo. Tempere o molho com sal, pimenta e o raminho de salsinha, misture bem e prove.

Coloque a massa para cozinhar (no nosso caso, por 9 minutos). Corte uns pedacinhos de manteiga sem sal e coloque no prato em que você vai servir.

Escorra a massa, misture na manteiga (use azeite crú se preferir), misture o molho e sirva.

Aqui o pinguim exibe o almoço na mesa da Paulinha, na editoria de arte:

O fundo musical recomendado para preparar o molho é slow, mas nem tudo deve precisa ser rapidíssimo. E como fala em peixes, orna!

Maria Cecilia Marra

Desenhista, é diretora de arte da piauí

Leia também

Últimas Mais Lidas

Uma floresta mais perto do fim

Audiência pública virtual para discutir o autódromo que destruirá Floresta do Camboatá volta a ser permitida pela Justiça na reta final

Foro de Teresina #112: A metamorfose de Bolsonaro

podcast de política da piauí discute os principais fatos da semana

O Minotauro da fronteira 

Como um dos chefes do PCC deixou um rastro de mortes e corrupção no Paraguai

Na piauí_167

A capa e os destaques da revista de agosto

Dispositivo de alerta

Morador provisório do Alvorada mostrou não estar à altura do cargo para o qual foi eleito, assim como seu clã de três zeros

Bolsonaro, o favorito?

Se não aumentar atual taxa de aprovação, presidente chegará a 2022 em situação desconfortável; até lá, arma a retranca e joga a torcida contra o juiz

No app da inclusão

Jovens negros da periferia apostam na tecnologia como ferramenta contra o racismo

Foro de Teresina #111: A república rachada de Bolsonaro

O podcast de política da piauí discute os principais fatos da semana

Álcool, pancadas na cabeça e poluição, novos riscos para o Alzheimer

Teste aponta propensão para a doença vinte anos antes de sintomas aparecerem; estudo inédito identifica três novos fatores a evitar para não desenvolver o mal

Mais textos
3

Por que as crianças gostam de Valtidisnei

De como me perdi de minha família ao ver Pinocchio, fui parar num reformatório, e a reencontrei numa sessão de Bambi

4

Carbonos do pop

Falsos gringos e indústria cover no lado B da canção brasileira

6

A baleia branca de Rodolfo Landim

O ex-executivo de Eike Batista julga ser responsável por parte considerável do sucesso empresarial do homem mais rico do Brasil. Agora, com a obstinação de quem não gosta de perder nem pelada, parte para buscar o que considera seu

7

A morte e a morte do Capitão América

Baudrillard, o franco-atirador da teoria de que tudo é ilusão, mandou o Capitão América desta para a pior

9

Para voltar à mídia, Aécio Neves adota 12 beagles

POSTO 12 - Escanteado do debate sucessório depois da polarização entre Dilma Rousseff e Marina Silva, Aécio Neves resolveu adotar 12 beagles resgatados do Instituto Royal. "Um partido que tem um tucano como símbolo é o verdadeiro defensor dos povos das florestas e dos bichos fofinhos", explicou Aécio, com um dos animaizinhos no colo, assegurando-se de que todos os beagles que levou para casa são fêmeas.

10

Por que i-piauí Herald não reproduz rumores sobre a vida privada de autoridades

Há alguns dias, correm rumores (sinistros e espantosos) sobre a vida privada de determinadas autoridades da República. Apesar de não ter nenhuma base material tangível, tais rumores foram reproduzidos por numerosos órgãos de imprensa estrangeiros, notadamente do Paraguai, do Togo e de Burkina Fasso. Foi o que bastou, infelizmente, para que publicações da auto-cognominada “grande imprensa”, insensatamente, repetissem o zunzunzum.