festival

A relevância do trabalho de Jane Mayer para a imprensa americana

Chefe da sucursal da revista The New Yorker em Washington, ela foi pioneira na cobertura da Casa Branca

26ago2019_18h22

Num perfil publicado este ano na revista Elle, Jane Mayer é citada, logo de cara, como uma das jornalistas investigativas de maior relevância dos Estados Unidos.

Desde 1995 na New Yorker , Mayer hoje chefia a sucursal  da revista em Washington, cobrindo política, cultura e segurança nacional. É autora dos livros Dark Money, sobre os bilionários que estão por trás da ascensão da extrema-direita norte-americana, e Dark Side, baseado em artigos seus publicados na New Yorker sobre o impacto da chamada “guerra contra o terror” adotada pelos Estados Unidos depois do 11 de Setembro.

Quando se fala de Jane Mayer o mais comum é encontrar reportagens sobre esses temas assinadas pela jornalista, entretanto, ela também esteve à frente de uma cobertura de repercussão mundial da qual não é comum estar associada: as investigações e reportagens sobre assédio na indústria cinematográfica que resultaram no maremoto do #MeToo. O mais recorrente é que o o jornalista Ronan Farrow seja considerado o protagonista desse marco da imprensa americana – o que não está errado – mas o trabalho jornalístico de Mayer também foi fundamental para esta cobertura.

E se hoje Jane Mayer faz história em uma das revistas semanais mais tradicionais dos Estados Unidos, pelo Wall Street Journal , onde atuou nas coberturas da Guerra do Golfo e da queda do Muro de Berlim, ela foi a primeira correspondente feminina a cobrir a Casa Branca, isso em 1984.

Mayer também pode ser encontrada nos corredores de Universidade Princeton, onde é professora no curso de jornalismo, e em outubro estará em São Paulo, para a sexta edição do Festival Piauí de Jornalismo. A norte-americana conversará com Malu Gaspar, repórter da piauí, e com o jornalista André Petry.

Leia Também

Relacionadas Últimas

Hanna Rosin fala sobre o uso das redes sociais no movimento feminista

Na conversa com a jornalista Branca Vianna lembra da importância da internet para o movimento MeToo

A América de Jack Bauer bate sem dó nem piedade

No seriado 24 Horas a tortura dá mais resultado do que no Iraque

As 1.400 vidas da obituarista Margalit Fox e outras histórias: veja como foi o 2º dia do evento

Encontro internacional reuniu jornalistas em São Paulo neste fim de semana

Ingressos à venda para o Festival Piauí GloboNews de Jornalismo

Estudantes e professores pagam meia-entrada, e assinantes da revista têm desconto

Saiba primeiro sobre os nossos eventos

Receba as novidades dos próximos projetos da piauí

Saiba como foi cada mesa da Maratona Piauí Serrapilheira

Vida, vulcões, clima, água e gestão da ciência: cinco grandes cientistas falaram sobre suas áreas de pesquisa

Mais textos